O Planetary dos Vingadores. Vingadores: Guerra Sem Fim, de Warren Ellis, Mike McKone e Jason Keith

Vingadores: Guerra Sem fim é primeira Marvel Original Graphic Novel a sair simultaneamente em todo o mundo (com a ressalva de que no Brasil saiu um mês depois, sendo que na Argentina chegou no dia correto – eu estava lá). Escrita por Warren Ellis e desenhada por Mike McKone, a publicação aproveita o sucesso mundial do filme dos Vingadores e prepara terreno para as vindouras continuações dos filmes do Thor – agora já estreada – e do Capitão América, focando em acontecimento do passado destes personagens. Não pretendo entrar no mérito da trama da Graphic Novel, mas dar uma olhada em seus principais aspectos, sem revelar spoilers.

Vingadores: Guerra Sem Fim, de Warren Ellis, Mike McKone e Jason Keith, primeira graphic novel com lançamento mundial da Marvel.
Vingadores: Guerra Sem Fim, de Warren Ellis, Mike McKone e Jason Keith, primeira graphic novel com lançamento mundial da Marvel. (2013, Panini Comics, R$ 24,90, Tradução de Rodrigo Oliveira)

Como é uma HQ de Warren Ellis e se trata de uma equipe, a sensação que tem é que está lendo uma história de Planetary. Existem vários elementos que levam a comparar com os arqueólogos do desconhecido da Wildstorm: as idas e voltas no tempo e espaço, seja por todo o mundo, seja durante o século XX e XXI e a presença de elementos de ficção científica e fantasia como alienígenas e animais míticos.

Além disso, Guerra Sem Fim traz elementos que caracterizam a obra de Ellis como um todo: mistérios + conspirações + corporações malignas, além dos personagens ficarem alfinetando uns aos outros um tempo todo. Apesar da presença desse humor ácido e uma boa dose de arrogância em quase todos os personagens, Ellis sabe caracterizá-los muito bem, usando de suas qualidades e defeitos e também fazendo alusão ao passado dos heróis, sem precisar fazer referência há mais de 50 anos de continuidade.

Viúva Negra, Capitão América e Wolverine.
Viúva Negra, Capitão América e Wolverine.

Existem na história de Ellis e McKone alguns elementos que já foram usados nas runs do escritor inglês em Homem de Ferro e Thor. Porém, toda a história tem um frescor, pois utilizando-se do país fictício da Slorênia, os autores se referem às guerras na Síria e no Afeganistão, bem como o uso dos veículos de VANTs, os veículos de assalto não tripulados, também conhecidos como Drones, que nesta graphic assumem uma cara mais mitológica. Um dos pontos altos na carreira de Ellis é fazer um bom casamento entre as mais antigas histórias fantásticas do mundo com a tecnologia de ponta.

Como maneira de nos fazer embarcar na história, o inglês usa de três artifícios para expor o ponto de vista dos protagonistas: Thor usa lendas e sumários para contar sua história, o Capitão América tem boxes de texto como passagens de um livro, já o Homem de Ferro se utiliza de diálogos expositivos. Há destaque para outros personagens muito bem trabalhados: Bruce Banner/Hulk, Wolverine, a Viúva Negra, o Gavião Arqueiro como o saco de pancadas preferido de todos e uma inusitada evidência para Carol Danvers, a Capitã Marvel.

Gavião Arqueiro, Capitão América e Wolverine.
Gavião Arqueiro, Capitão América e Wolverine.

Guerra Sem Fim traz um Warren Ellis de volta à boa forma, num trabalho muito superior a sua run nos Vingadores Secretos e um Mike McKone eficiente como sempre no traço. A graphic novel com lançamento mundial – quase – simultâneo é uma prova que as melhores obras da ficção científica são aquelas que conseguem trabalhar o especulativo sem perder a alusão ao mundo real.

Anúncios

1 Comment

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s