literatura, quadrinhos, Quadrinhos Comparados
Comentários 7

Por que as HQs (e livros) são tão caros? Ou, “sabe de nada, inocente”!

Seguidamente vejo reclamações sobre o preço de publicações na internet. Porém, acho que, ao fazer isso, as pessoas não sabem que desestimulam as compras de outros. Ao mesmo tempo lhes falta um pouco de contexto para entender os valores que envolvem a produção de uma publicação. Ler scans e não comprar o quadrinho impresso, mesmo ele sendo sensacional, também auxilia na contração do mercado. Outro fator que deixa o mercado de quadrinhos impenetrável é a velha arrogância dos fãs antigos que sempre pensam saber muito mais que os novatos. Sempre haverá um velhaco mais velho e um novato mais verde. Inspirado pelo artigo de Paulo Cecconi no Pipoca & Nanquim, resolvi escrever aqui um pouco sobre o que leva uma HQ a ser cara, utilizando uma liçãozinha básica de Marketing, os 4 P’s de Phillip Kotler:

Quem são os vilões do mês? Editores ou esperneadores?

Quem são os vilões do mês? Editores ou esperneadores?

  1. Produto

Para se fazer um produto que encha os olhos, é preciso um bom acabamento gráfico. Esta talvez seja a parte mais cara do processo. Quanto mais frufrus ele tiver, mais caro vai ser. Capa dura, papel couchê, verniz localizado, prolan, tudo isso encarece uma edição. Uma edição com lombada quadrada, por exemplo, encarece porque além de cola e mais páginas, o acabamento leva mais tempo que uma lombada canoa grampeada. Uma edição com capa dura precisa ser costurada e custa muito caro. A última vez que levei algo para encadernar em capa dura, a encadernação custou 26 reais, mais 3 reais para gravar o nome na capa. Então, imagina somar-se aí mais o preço de licenciamento e outras coisas. Mas calma, isso fica para o item preço. É por essa razão que muitos dos encadernados que você tem em casa devem ter escrito em algum lugar “Impresso na China” ou “Impresso na Indonésia”. Slave work? It’s cheaper.

O Sol na banca de revistas, me enche de alegria e preguiça. (pra que comprar se eu posso baixar um scan?)

O Sol na banca de revistas, me enche de alegria e preguiça. (pra que comprar se eu posso baixar um scan?)

  1. Praça (ou Ponto)

Distribuição também custa caro, ou você acha que o autor leva suas HQs de lugar em lugar, de banca em banca, de livraria em livraria na lambretinha amarela de entregar pizza do Peter Parker? Geralmente, a distribuidora toma mais da metade do preço de capa. As livrarias e bancas também pegam a sua fatia. Na maioria das vezes, as bancas ficam com 25% do valor cobrado e as livrarias ficam com uma porcentagem um pouco maior.

Times Square! Tempos Quadrados para quem não tem anunciante!

Times Square! Tempos Quadrados para quem não tem anunciante!

  1. Promoção

Divulgar o produto custa caro. Se você não é uma gigante do ramo, como a Panini, que tem propaganda praticamente gratuita feita pelo boca a boca dos fãs, é preciso ralar muito para conseguir um lugar ao sol na imprensa. Ou, ao menos, na grande imprensa. Além disso, vai investimento em eventos de lançamentos, em eventos de quadrinhos ou literatura, mala direta, mail marketing, assessoria de imprensa… E a coisa mais cara de todas: o espaço publicitário!

Nem a Liga da Justiça pode te salvar da inflação! ( a não ser que nós cortemos 4 páginas da sua revista favorita!)

Nem a Liga da Justiça pode te salvar da inflação! ( a não ser que nós cortemos 4 páginas da sua revista favorita!)

  1. Preço

Quando se trata de uma publicação profissional, só considerando tudo isso é que se pode finalmente definir o preço do produto, livro ou HQ. Conta-se aí também o preço de preparação de originais, de criação capa, de diagramação (ou letreiramento), de tradução (se tiver) e dos direitos autorais (a menor porcentagem). É um tanto desanimador ver tudo isso, não? Vontade nenhuma de entrar para o mercado independente, certo?

Mas eu sou brasileiro e não desisto nunca! Por quê? Porque eu quero ver os quadrinhos crescerem, quero que os meus quadrinhos ajudem as pessoas a verem a mídia de outra forma e, claro, quero que apreciem o meu trabalho. Por isso, se você é fã de quadrinhos, mas fã mesmo, que quer ver coisas novas no mercado, que torce pela mídia, que quer que a sua linda coleçãozinha nas prateleiras aumente dia a dia, incentive o mercado! Não baixe scans (pelo menos não de material nacional), escreva críticas sobre suas HQs favoritas, compartilhe este post no Facebook tentando dar um contexto toda vez que aquele carinha chato reclamar do preço da sua HQ favorita. Mercado ampliado, preços diminuídos. Afinal, quanto maiores as compras, maior a tiragem. Quanto mais unidades impressas, menor o preço unitário da impressão, e menor valor de capa para as revistas. Faz sentido pra você agora?

BÔNUS TRACK (Uma HQ sobre mídia nos quadrinhos):


7 comentários

  1. não convenceu lamento,apesar de eu querer acreditar em uma desculpa mas em um mercado onde na epoca que o salario minimo era 160 reais resolveu lançar desnecessariamente por 10 reais a revista (lembraivos da abril premium) é pura sacanagem mesmo das editoras sem falar da distribuição setorizada,mas boa tentativa

    Curtir

    • guilhermesmee diz

      Algumas salgam no preço mesmo, Olavo, mas isso também depende da tiragem. No caso das Premium, a tiragem diminuiu de 400 mil da década de 80 para 10 mil nas revistas Premium (anos 2000). Ou seja, uma redução de 400% do público potencial. É algo a se refletir… Agora o mercado está retomando, mas ainda assim os número não são os mesmos dos anos 80. A variedade, entretanto, nunca foi tão grande. 😉

      Curtir

      • Até vou compatilhar o que comprei ontem:

        Preacher 7 – Salvação
        Aguardando compensação bancária
        Quantidade
        1
        R$ 62,00
        Preacher – Às Portas do Inferno – Vol. 8
        Aguardando compensação bancária
        Quantidade
        1
        R$ 62,00
        Preacher – Álamo – Vol. 9
        Aguardando compensação bancária
        Quantidade
        1
        R$ 60,00
        Preacher – Até o Fim do Mundo – Vol. 2
        Aguardando compensação bancária
        Quantidade
        1
        de R$ 67,00 por
        R$ 53,60
        Transmetropolitan – o Flagelo de Spider
        Aguardando compensação bancária
        Quantidade
        1
        de R$ 86,00 por
        R$ 68,80
        Preacher – Histórias Antigas – Vol. 4
        Aguardando compensação bancária
        Quantidade
        1
        de R$ 64,00 por
        R$ 44,80
        Sandman – Noites Sem Fim
        Aguardando compensação bancária
        Quantidade
        1
        de R$ 25,90 por
        R$ 20,70
        Preacher – Rumo ao Sul – Vol. 5
        Aguardando compensação bancária
        Quantidade
        1
        de R$ 64,00 por
        R$ 51,20
        Batman – A Corte Das Corujas
        Aguardando compensação bancária
        Quantidade
        1
        de R$ 27,90 por
        R$ 22,30
        Vampiro Americano – Vol. 3
        Aguardando compensação bancária
        Quantidade
        1
        de R$ 87,00 por

        Batman 66
        1

        Previsão de Envio 15/01/2015

        R$ 13,70

        R$ 13,70
        BATMAN – DIA DAS BRUXAS
        1

        R$ 33,00

        R$ 33,00
        MUNDO VERTIGO – PREACHER VOL. 3
        1

        R$ 39,00

        R$ 39,00
        SANDMAN – TEATRO DO MISTÉRIO
        1

        R$ 14,30

        R$ 14,30
        Frete:
        Grátis
        Descontos:
        Frete: R$ 13,38
        Valor total da compra:
        R$ 100,00

        Eu entendo o que Olavo escreveu, e concordo, e muita coisa vale hoje ainda, você tem que escolher entre sobreviver e comprar sua revista favorita. Comprei 9 encadernadinhos, olha o valor que deu. Se você coleciona as mensais DC, não sai por menos de 150 reais por mês fora os especiais. pode parecer banal para muitos mas faço um rancho no mercado com essa grana. Eu compro Batman, Sombra do batman, especiais do Batman, Vertigo e Dynamite, então já dá pra ter uma ideia dos gastos mensais. Se eu não to a fim de desembolsar a grana que mencionei antes para ter todos os Novos 52, seja por motivos financeiros ou de espaço em casa (nem todo mundo tem uma garagem pra empilhar as revistas) e tivesse vontade de ler, gostaria que me dessem uma solução, sem hipocrisia please.

        Curtir

      • guilhermesmee diz

        É Joel, por isso que disse que hoje as opções são inúmeras o difícil nem é tanto economizar, mas escolher entre tanta coisa – e coisa boa!

        Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s