O Demolidor Que Você Não Conhece

A primeira aparição do Daredevil da Era de Ouro
A primeira aparição do Daredevil da Era de Ouro em Silver Streak Comics #7 (1940, Lev Gleason’s Publications)

Sim, o Demolidor está em todos os cantos que você enxerga (ok, sem mais piadinhas com visão). Com a estreia de sua série na Netflix, o Homem Sem Medo está mais popular do que jamais esteve. Mas o que você não sabe é que esse não é o Demolidor original, ou, pelo menos, não é o Daredevil original.

O primeiro super-herói conhecido por Daredevil foi criado por Charles Biro, em 1940, durante a chamada Era de Ouro dos quadrinhos. Ele pertencia à editora de Leverett Gleason, a Lev Gleason’s Publication, uma editora responsável pelas capas de histórias de horror e crime mais horrendas da história dos quadrinhos e que, entre outras coisas levara à caça às bruxas dos comics, que culminou na criação do Comics Code Authority, o código regulador do conteúdo dos comic books. O primeiro editor do personagem foi Jack Cole, que um ano depois iria criar o impagável Homem-Borracha, Eel O’Brien.

Daredevil Comics!
Daredevil Comics!

A história do Demolidor da Era de Ouro é marcada pela tragédia e é tão horrorosa quanto as capas das revistas de crime da Lev Gleason’s. Os pais do jovem Bart Hill foram brutalmente assassinados na sua frente, quando Bart era uma criança. Ele também ficou marcado para sempre com uma queimadura de ferro de passar. Com o choque pelo ferimento e a morte abrupta dos pais, Bart ficou mudo. Ele, então, jurou “destruir as forças do crime e da maldade”. Para isso, treinou lutas e arremessos de bumerangue, a principal arma do Daredevil. Na edição 13, Biro introduziu personagens de apoio, uma espécie de gangue infantil do herói, no estilo da Legião Jovem, chamados de The Little Wise Guys, cinco garotos da vizinhança. Um deles, inclusive, é morto duas edições depois.

Entretanto, na edição de número 18 de sua revista, em 1943, a origem do Daredevil é mudada. Não havia nada de tragédia na sua vida, ele era um australiano do Outback que fora criado por aborígenes e instruído nas artes do uso do bumerangue. Mas, assim como a Mulher-Maravilha e o Capitão América, heróis surgidos em 1940, a maior relação do Daredevil era com a Segunda Guerra Mundial e ao combate das forças do Eixo.

Daredevil Battles Hitler!
Daredevil Battles Hitler!

Talvez a edição mais emblemática do personagem, Daredevil Battles Hitler, traz uma colagem do rosto de Hitler, assustado com os poderes de Bart Hill. O personagem era descrito como um cara “liberal, quase de esquerda, o tipo de cara politicamente compromissado, que vivia de acordo com sua filosofia”. A revista foi um marco por ser praticamente uma declaração de guerra contra o Eixo. Consistia de 64 páginas, cuja abertura da história mostra o herói se infiltrando em uma cidadela do Führer, apenas para socar Hitler na cara. Após isso, ele segue até Londres para discutir estratégias bélicas com Winston Churchill. Depois ele viaja para o Mediterrâneo para ajudar os britânicos contra Mussolini. Em seguida parte para o Oriente Distante para ajudar os britânicos e chineses a libertarem Cingapura do jugo japonês. Finalmente vai até a África Central onde ele combate “Hitler e suas hordas selvagens!”.

A série do Demolidor da Era de Ouro durou 134 edições e foi publicada ininterruptamente até os anos de 1956 (época da caça às bruxas). Nesta época, quem tomava a frente das histórias eram os The Little Wise Guys, deixando o Daredevil em segundo plano pois a popularidade dos heróis no pós-Guerra havia caído abruptamente.

Death-Defying Devil, o Demolidor da Dynamite Comics
Death-Defying Devil, o Demolidor da Dynamite Comics

Anos depois, claro, os direitos do personagem passaram para outras editoras como a AC Comics, a First Comics, a Image Comics (em que participou de uma história do Savage Dragon), a Dynamite Comics (na série Projeto Superpowers, de Alex Ross, em que seu nome foi mudado para Demônio Desafiador da Morte) e finalmente na Wild Cat Books, onde sua história foi contada em prosa.

Mas se pararmos para pensar existem várias semelhanças com o Demolidor/Daredevil moderno. A deficiência física (vocal e visual), o uniforme vermelho com capuz, os bumerangues trocados por dois bastões que vão e voltam para suas mãos. O personagem Daredevil da Era de Ouro está agora sob domínio público, então muitas editoras tem usado o personagem nas mais diferentes acepções e graduações.

Anúncios

3 comentários sobre “O Demolidor Que Você Não Conhece

Deixe um comentário, caro mergulhador!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.