Mês: setembro 2015

NKDcykes

MAIS Quadrinhos Eróticos Gays de Super-Heróis

E lá vamos nós matar sua sede de heróis pelados e fazendo coisinhas de novo. Aproveite!

Anúncios
Uma freirinha: OOOH! Noventa e nove freirinhas: Hihihihi!

“Não Confie na Tia May”. Trouble, de Mark Millar, Terry e Rachel Dodson

E se tudo que você conhecesse sobre a origem de Peter Parker, o Homem-Aranha não fosse nada do que você sabia? E se por trás daquela fachada de velhinha fracota e indefesa da Tia May se escondesse um vulcão sexual? Essa é a proposta de Trouble, uma minissérie estrelando os pais de Peter Parker, Richard e Mary, e seus, tios, Ben e May.

facesdestrino

[CRISES SECRETAS] Contemple… As Faces do Destino!

Tirinha periódica nova aqui no Splash Pages! Dessa vez, brincando um pouco com o Doutor Destino. Guilherme Smee e Vilmar Rossi Júnior vão trazer situações inusitadas da Marvel e da DC, e do universo dos quadrinhos em geral, sempre com um tom meio Deadpool/Arlequina pra você gargalhar. Claro que a continuação dessas histórias vai depender da repercussão que você, leitor, der. Então, curta e compartilhe com os amigos!

Spielberg dando uma de Vingador já que não dirigiu nenhum filme de heróis...

Stephen Spielberg: “Os filmes de super-heróis estão destinados a acabar como o faroeste”.

O premiado e diretor favorito dos fãs Stephen Spielberg, de E.T. – O Extraterrestre, Jurassic Park, A Lista de Schindler e O Resgate do Soldado Ryan, comparou a onda de filmes de super-heróis com os cultuados filmes de faroeste. Ele disse que se trata de mais uma “marolinha que não vai virar onda”, para ficarmos em termos atuais, e que os super-heróis acabarão no ostracismo como o faroeste

Prazer, Guilherme VERGONHA Smee. Meu nome completo. ;-)

É Uma Vergonha Ser Nerd? Sim ou Não?

Os nerds sempre foram os que gostavam de cultura, mas não entendiam como podia o “zé-povinho” não gostar disso também. Por isso, estavam sempre excluídos do resto, sentados sozinhos com seus lanches, ou na primeira classe tentando desesperadamente escutar o que o professor falava, enquanto, lá no fundão, tinha uma algazarra. O mundo cresceu e, talvez por essa massificação da cultura, os nerds também aumentaram. Cada vez mais tem gente que curte séries, quadrinhos, games e coisas assim. Mas eles são MESMO uma vergonha e APENAS isso?

GAYabre

Será Que Ele É? 10 Criadores LGBT de Comics

Já foi o tempo em que essa pergunta andava nas bocas das pessoas. Hoje saber se uma pessoa é gay ou não só importa para os próprios gays que podem ter um interesse na pessoa. Tá, e a alguns moralistas que ainda acham isso um absurdo fora do comum. Talvez por essa razão a maioria dos criadores LGBT dos quadrinhos se encontra no meio indie, como é o caso de Alison Bechdel, Howard Cruse, Dean Haspiel, Ralph Konig e Julie Maroh, nomes proeminentes do gueto quadrinístico LGBT.