Destaques Nas Solicitações Marvel Para Abril/2016

Yeah! A Marvel está com tudo! Depois do incrível sucesso com a revitalização da saga Secret Wars, a Casa das Ideias está lançando títulos à rodo. E, diferente da DC, eles parecem agradar aos leitores com inovação e ousadia. Não é por nada que ultimamente a Marvel vem tomando cada vez mais espaço nas listas de títulos mais vendidos do mês. Te cuida DC, é melhor se mexer! E agora, nossos destaques!


MARstandoff
You can leave your hat on…

AVENGERS: STANDOFF

Standoff vem sendo noticiado como o evento de primavera da Marvel. Ela envolve quase todas as revistas que possuem “Avengers” no nome. Embora ainda seja muito cedo para dizer do que se trata,a  tradução de Standoff é Impasse, ou seja, algo que impede os Vingadores de agir. O cenário da saga é a cidadezinha interiorana de Pleasant Hill, que esconde um segredo. Qual segredo é esse, não se sabe, mas é algo que faz os vilões confundirem os heróis com vilões e vice-versa. Talvez seja esse o impasse de que se fala. Standoff vai deixar o terreno preparado para segunda Guerra Civil, então é bom prestar atenção! Ela começou no mês passado (março) e se conclui neste (abril) – sim, o mês das solicitações, não o que estamos. Obrigado pela compreensão.

Veja uma análise da nova formação dos Vingadores, por Mark Waid e Mahmud Ahrsar.

 

MARblack
Quem acertar no buraquinho ganha uma panterinha de pelúcia!

BLACK PANTHER #1

 

O novo título do Pantera Negra depois de alguns anos sem nenhum título próprio nas prateleiras das comic shops americanas. Dessa vez, quem toma o título nas mão é Ta-Nehisi Coates, um premiadíssimo escritor negro que escreveu um livro em forma epistolar para seu filho, mostrando a ele como é ser negro no mundo. O livro, chamado “Entre o mundo e eu”, saiu pouco tempo depois das ondas de assassinatos de negros por policiais quando os confundiam com bandidos. Um relato que parece obrigatório para pessoas de todas as cores. Você pode saber mais sobre o livro nesse link do Jornal O Globo. Quem desenhará a revista será Brian Steelfreeze. A história lidara com política. Tchalla, que sempre foi acostumado com a sua herança monárquica se verá confrontado por um grupo chamado O Povo, que questionará o sitema de governo de Wakanda. Mas qual o papel e a finalidade do Pantera Negra nisso tudo? Não sei você, mas pelo menos o livro do Coates eu vou ter que ler.

Saiba a razão porque eu não gosto do pantera negra e porque um monte de gente me xingou de racista sem nem saber nada do que eu escrevo em favor dos negros. 😉

 

MARgwen
Era o que tinha guardado no cabelo do Roberto Carlos!

GWENPOOL #1

 

Quer saber? Eu estou um pouco de saco cheio desses personagens que querem fazer gracinha e quebrar a quarta parede. Era legal quando era novidade com a Mulher-Hulk do John Byrne (e adicione aqui dois parágrafos de mimimi de hipster). Falando sério, não podemos negar que é um fenômeno e uma tendência capitaneadas por Deadpool e Arlequina. E a Gwenpool é uma espécie de mistura dos dois. Nascida Gwen Poole, ela era uma garota normal até que descobriu que poderia interagir com seus personagens de quadrinhos favoritos. De repente ela e eles ocupavam o mesmo mundo. Ou seja, alguém deve ter escancarado a quarta parede. Hulk? Foi você?

Leia aqui: Quem Veio Primeiro? Deadpool x Arlequina! FIGHT! Chimichanga vs. Marreta!


 

MARwomen
Pra quem gosta de uma aranha se roçando na outra, essa é sua revista!

 

SPIDER-WOMEN #1

Já que as aranhas estão em voga (hey. não pense bobagem!), a Marvel resolveu reunir suas principais escaladoras de parede e fazer um crossover entre elas. Tudo começa em Spider-Women Alpha, dura dois meses passando pelas revistas da Mulher-Aranha, da Teia de Seda e da Gwen-Aranha. Não sabe quem elas são? Onde você esteve no último ano? Mulher-Aranha é a Jessica Drew que todos conhecem. Teia de Seda, é Cindy Moon, uma garota que estava escondia por Ezekiel e foi libertada por Peter Parker, no que eles descobrem que foram picados pela mesma aranha radioativa na mesma ocasião. O legal é que Peter e Cindy possuem uma espécie de “atração-aranha” que faz com que suas – hã – teias queiram sempre ficar grudadinhas. Gwen-Aranha é uma personagem que surgiu na saga Aranhaverso e é uma versão de Gwan Stacy que ganhou os poderes de Aranha. Ela também é baterista na banda The Mary Janes. Bem, na história as três estão na Terra-65, de Gwen-Aranha, quando são atacadas pela S.I.L.K, uma organização criminosa comandada pela versão maligna de Cindy Moon. Complicado? Que teia enroscada essa que tecemos, não?


MARmagic
Primeirão a usar o banheiroooo!

DOCTOR STRANGE: LAST DAYS OF MAGIC #1

Separei essa edição por duas rações. A primeira é que é um compilado envolvendo três personagens escritos por três escritores diferentes. A primeira história é de Wong, escrita por Jason Aaron. A segunda é do Doutor Vudu e é escrita por Gerry Duggan e a terceira é sobre um ser mágico misterioso, um novato no Universo Marvel, por James Robinson. Essa edição lida com os efeitos do fim da magia do Universo Marvel como visto nas revistas da feiticeira Escarlate e do Doutor Estranho. O Imperador está caçando os magos da Terra, retirando seus poderes ou matando-os. Mas a segunda razão que destaquei essa edição é que a segunda parte, do Doutor Vudu, ela é desenhada pelo brasileiro Danilo Beyruth. Go, go, Brazil!


 

E agora trazemos para você dois destaques das solicitações que não são do Universo Marvel, mas são da Editora Marvel (Ah, você entendeu!).

STAR WARS: POE DAMERON #1

É eu nunca falo de Star Wars aqui. Mas entenda, em alguma franquia eu tenho que deixar de ler quadrinhos. E não, ainda não vi O Despertar da Força. Minha força está dormindo com uns três lexotans. Maaas… Eu sei que o pessoal curtiu o tal Poe Dameron e que ele é um piloto de X-Wing e que querem que pinte um clima homoerótico dele com o Flinn – o boneco que encalha nas prateleiras que nem o da Tempestade nos anos 90. Então sim, eu sei alguma coisa. Bem, a HQ é escrita pelo ótimo Charles Soule (Monstro do Pântano, Inumano) e desenhada pelo perfeito Phil Noto (X-23).


 

EMPRESS #1

Esse é o nome do novo título de Mark Millar em seu Millarworld, dessa vez em parceria com o competente Stuart Immonnen. A história me pareceu uma adaptação da história de Mil e Uma Noites, da Rachel Sherazade. Uma mulher casada com o (diz o release) “pior vilão do seu filme de ficção científica preferido”, precisa escapara das garras do marido para o bem de seus filhos. Para isso ela vai contar com uma ajudinha e umas armonas. A não ser por ter uma protagonista feminina e a arte do Immonnen ser legal, ok, não me disse muita coisa. E armonas? Bem, não estamos mais nos anos 90, estamos, produssaum?


 

MARcapaÉ isso aí, moçadinha querida! A lista completa você pode acessar aqui, mas não está em português e não tem as minhas palhaçadas (o que pode ser um alívio!).

 

Anúncios

3 Comments

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s