destaque, fique de olho, literatura, quadrinhos, Resenhas
Comentários 4

Homem-Morcego Noir. Batman: Nove Vidas, de Dean Motter, Michael Lark e Matt Hollingsworth

Quem matou Selina Kyle? É a pergunta que os anúncios e o enredo dessa minissérie nos fazem. Quem investiga esse acontecido é o detetive particular Dick Grayson, lá nos atribulados anos 50, em Gotham City. Para isso, ele vai contar com a ajuda de Bruce Wayne, ou seria a ajuda do Batman?

Batman: Nove Vidas, aproxima o quadrinho do gênero noir da literatura policial. Esse gênero, cujo significado vem do francês, negro, obscuro, foi popularizado pelas revistas pulp. Essas revistas, mais baratas, produzidas com a polpa do papel – o bagaço da laranja na indústria gráfica, revelaram autores como Dashiell Hammett, Mickey Spillane e Raymond Chandler, com histórias focando crimes, sempre do ponto de vista de três forças opostas e complementares: os policiais, os gângsteres e os detetives particulares.

Veja uma lista de 10 quadrinhos noir de super-heróis feitas a partir dos anos 2000.

NINselina

Esse conflito está explicitado em Nove Vidas. Dick Grayson representa os detetives particulares, pessoas que, por alguma razão se decepcionaram com a lei e o sistema policial e passaram a investigar por conta própria. Temos a polícia, na figura do Comissário Gordon e a lei, através de Harvey Dent. E os inúmeros gângsteres de Gotham City, que portavam metralhadoras, no melhor estilo Scarface.

NINcapa

O formato do quadrinho é horizontal, ou seja, foi publicado no formato Widescreen (da mesma forma que os três anuais dos X-Men de 2001, capitaneado por New X-Men Annual# 01, de Grant Morrison, contando a origem de Xorn). A arte de Michael Lark aposta muito no chiaroscuro, remetendo ao clima noir. O que auxilia essa atmosfera são as cores monocromáticas de Matt Hollingsworth. Além disso, toda a HQ conta com bordas pretas, que deixam o gibi ainda mais “noir”, claro..

NINbabs

Como temos nove suspeitos do crime da morte de Selina Kyle, e a maioria dos personagens eram amantes da personagem, o nome Nove Vidas tomou um novo significado. Não são as vidas merecidas de um gato, mas as nove vidas paralelas que a personagem de Selina vivia. Um detalhe: aqui neste quadrinho a Mulher-Gato é retratada como negra e que possui o clube Kitty Kat, no qual, entre outras coisas, trabalha como cafetina.

Os vilões da história, apesar de realistas, se assemelham muito aos vilões de Dick Tracy – deformados moralmente, socialmente e fisicamente. Mas a história guarda outras semelhanças com as do detetive criado por Chester Gould,  principalmente pelo realismo e por ser um ambiente noir dos anos 50 e 60.

NINjoker

Dean Motter é um roteirista que também é desenhista, que foi famoso pela criação do personagem Mister X nos anos 80, também com temática noir. Ele também obteve muito sucesso ao criar para a Vertigo a série Terminal City, onde iniciou sua parceria com Michael Lark. Este desenhista, muito prolífico, depois de Nove Vidas, se tonou sinônimo da estética noir nos quadrinhos, tendo trabalhado em trabalhos desse porte como as premiadas Gotham Central e Demolidor, ao lado de Ed Brubaker. Outro artista premiado desta edição é Matt Hollingsworth, também  conhecido por seus trabalhos com quadrinhos desse estilo, entre muitos outros, colaborando na criação de histórias nessa ambiência.

Veja um post sobre a importância da colorização na narrativa de uma história em quadrinhos.

NINmythos

Batman: Nove Vidas foi publicado no Brasil pela Mythos Editora, em uma minissérie em duas edições no ano de 2003. Entretanto, nos EUA, o quadrinho foi trazido à público como uma graphic novel em uma só edição. Um quadrinho bastante diferente que vai agradar em cheio os amantes da estética noir.

 

Anúncios

4 comentários

  1. Lucas Lima diz

    Poxa, isso merecia ser relançado no Brasil. Pelo que vi nas imagens que você postou, a arte do Michael Lark já era nesse tempo um prequel do que viria em Gotham DPGC.

    Curtir

    • Guilherme Smee diz

      Sim, Lucas! É bem bonito! E tou pra ler Terminal City que também tem arte dele. Abraços! =)

      Curtir

  2. Pingback: Melhores e Piores Leituras de Maio de 2017 | Splash Pages

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s