10 Heroínas da DC Que (Quase) Ninguém Ouviu Falar

Olá mergulhadores! Existem personagens que são realmente obscuros, principalmente aqui no Brasil, em que boa parte das histórias de super-heróis não foram publicadas. Resolvi fazer o recorte das heroínas mulheres, porque, afinal, as mulheres tem menos visibilidade nos quadrinhos de super-heróis. Escolhi a DC Comics porque, desde o surgimento da Marvel ela tem sido preterida no Brasil e recebido menos páginas publicadas do que sua rival. Vamos lá bem para o fundo desse oceano!

Para começar, resolvi deixar de fora personagens de equipes categoria Z, como os Guardiões Globais, uma equipe da DC que nunca teve revista própria. (Exemplos são Mulher-Coruja, Flor-de-Lis, A Pequena Sereia). Também deixei de fora integrantes da Legião de Super-Heróis. Como é sabido, a Legião é a equipe com o maior número de integrantes em suas fileiras. As heroínas desconhecidas da Era de Ouro como Lady Danger, Garota-Boneca e Abelha Vermelha também ficaram de fora. Personagens de histórias de Espada & Magia da DC Comics como A Filha do Mago ou Valda, a Donzela de Ferro também não entraram na lista.

DCDhaloHALO

Halo, criada por Mike W. Barr e Jim Aparo é, assim como a Cristal da Marvel, um refugo da Era das Discotecas, onde shows de luzes e cores estavam na ordem do dia. Os poderes de Violet Harper e Auracle, de quem Halo é uma fusão podem gerar várias auras ao redor de seu corpo que têm diferentes funções. Halo fez parte da equipe Batman e Os Renegados e acabou morrendo em uma explosão no país da Markovia. Nos Novos 52, ela fez parte da Corporação Batman, mas, outra vez, foi presumida morta. Então ela passa a fazer parte do Clube dos Heróis Mortos, uma equipe de heróis que se presumiam mortos, mas não estão e servem de cobertura para a Corporação Batman.

DCDdivinaDIVINA

Emily Briggs era uma lojista de Gotham City.  Um dia, entretanto, ela foi raptada pelo povo subterrâneo de Abyssia, onde se travou uma luta entre essa civilização e Batman e os Renegados. Após a passagem do Cometa Halley pela Terra, Emily adquiriu os poderes herdados daquele povo. Entre seus poderes, estão capacidades mentais como telecinésia, telepatia, psicocinese, levitação e psicometria. Ela também ganhou uma aparência muito melhor do que a que tinha quando era “apenas” uma humana. Mais tarde, Divina se tornou uma vampira e ganhou poderes relativos à sua condição. Nos Novos 52, ela estrelou a edição digital National Comics: The Looker, em que era uma modelo-vampira e não uma mulher com poderes mentais.

DCDimperatrizIMPERATRIZ

A Imperatriz apareceu pela primeira vez nas páginas de Justiça Jovem para salvar a Moça-Maravilha. Ela é Anita Fite, filha de um dos grandes vilões da equipe mirim. Os poderes da Imperatriz estão ligados à magia, já que ela herdou e aprendeu essas habilidades com sua mãe e sua avó, feiticeiras haitianas. Entretanto, ela é moradora da ilha fictícia de Zandia. A Imperatriz foi criada por Peter David e Todd Nauck e participou de algumas missões com a Justiça Jovem, bem como de alguns atos de heroísmo ao lado de outras garotas heroínas como a Moça-Maravilha e a Supergirl.

DCDsegredoSEGREDO

Embora a Segredo seja relativamente conhecida nos Estados Unidos, aqui no Brasil ela é praticamente desconhecida, tendo aparecido em apenas uma edição. Ela faz parte da Justiça Jovem desde o começo, mas aqui em terra tupiniquins essa equipe não teve muitas histórias publicadas. A Segredo é Greta Hayes, uma super-heroína adolescente sobrenatural. Ela pode ficar incorpórea, voar, se teleportar e mudar de forma. Esses poderes se devem à forma como ela morreu, assassinada por seu padrasto, tendo ficado entre os planos dos mortos e dos vivos.

DCDbombshellGRANADA

Criada por Geoff Johns e Tony Daniel, Granada tem a origem de seus poderes ligada diretamente com o Capitão Átomo, pois foi exposta aos mesmos metais que ele. Seu alter-ego é Amy Sue Allen. Ela se torna membro dos Novos Titãs a partir do vácuo de um ano após a Crise Infinita. Depois, é revelado que ela era uma traidora da equipe, ingressando posteriormente nos Titãs do Leste, a versão malvada e hardcore dos Novos Titãs. A última vez que Granada foi vista foi no final da série dos Novos Titãs antes do Flashpoint ajudando os heróis juvenis contra um ataque do Superboy Primordial.

DCDmirageMIRAGEM

Miragem pode ser considerado o Cable dos Novos Titãs, porque ela tem uma história bastante complicada. Mas um detalhe interessante é que Miriam Delgado, seu alter-ego, é uma heroína de origem brasileira. Ela vem do futuro com alguns companheiros, da chamada Tropa Titã, para evitar a ascensão do déspota Lorde Caos. Para isso, entretanto, eles precisam matar Donna Troy. Miragem foi criada por Marv Wolfman e entre seus poderes estão a capacidade de criar ilusões não só para fora dela, como para a forma de seu corpo. Ainda não existe uma versão de Miragem Pós-Flashpoint.

DCDrapozaRAPOSA ESCARLATE

A Raposa Escarlate talvez seja a mais famosa integrante da famigerada equipe dos Guardiões Globais. Ela também foi integrante da Liga da Justiça Europa. Criada por Keith Giffen e Bart Sears, na verdade a Raposa Escarlate não era uma, mas duas. As irmãs francesas Vivian e Constance D’Aramis eram duas grandes executivas de uma corporação de perfumes, o que pode explicar a origem de seus poderes de feromônio que podiam influenciar as pessoas. As duas forjaram a morte de Constance para que pudessem atuar melhor como super-heroínas.Eram apaixonadas pelo herói Metamorfo. Mesmo assim, as duas acabaram mortas e substituídas por uma nova Raposa Escarlate desconhecida que se dizia sua herdeira quando se encontrou com o Lanterna Verde Hal Jordan.

DCDarunaARUNA

Criada por Scott Peterson e o brasileiro Mike Deodato, Aruna foi uma personagem que apareceu na primeira edição anual da Batgirl. Seus poderes de alteração de forma se manifestaram desde seu nascimento e, por isso, seus pais nunca tiveram certeza de qual era o seu gênero. Ela é indiana e seus pais eram da casta dos intocáveis, mas ela foi criada órfã após o sequestro de seus progenitores. Escolheu o codinome Aruna porque é o nome de um deus hindu e essas divindades costumam transitar entre os dois gêneros. Ela se encontra com Batman e Batgirl depois que um ator de Bollywood é sequestrado e os dois vão à Mumbai. No final da história, Aruna decide se tornar super-heroína para lutar contra a injustiça e a intolerância.

DCDstrixSTRIX

Strix foi uma personagem que surgiu na onda das sagas A Noite das Corujas e a A Corte das Corujas, como mais uma das garras regeneradas. O nome Strix vem de um ser da mitologia grega que pronunciava maldições e que se assemelhava a corujas. Ela foi criada por Gail Simone e Ardian Syaf na revista da Batgirl. Strix, quando era viva, era a jovem muda Mary Talbot, que foi desfigurada por uma bomba durante a Segunda Guerra Mundial. Revivida pela Corte das Corujas, ela se rebelou contra o grupo e passou a atuar com as Aves de Rapina. Mais tarde, ela se uniu ao Sexteto Secreto, em sua encarnação dos Novos 52, que permanece inédito no Brasil.

DCDtraciTRACI 13

Traci 13 é a filha e herdeira mágica de Terrence 13, o Doutor 13, um dos pilares místicos da DC Comics, pertencentes aos “homo magi”, de quem Traci é a última descendente. Traci teve destaque durante as sagas Dia da Vingança e Flashpoint. Antes do Renascimento da DC, Traci 13 era namorada de Jamie Reyes, o novo Besouro Azul. Entretanto com o surgimento da iniciativa, foi revelado que Traci mantém um relacionamento lésbico com a sobrinha do Aço, Natasha Irons. A magia de Traci é capaz de tudo, mas está ligada às cidades, por isso ela a chama de “magia urbana”.

E então mergulhadores? Conheciam todas? Só algumas? Nenhuma? Não deixe de escrever os seus comentários. Ficamos por aqui por enquanto. Abraços submersos!

Anúncios

4 Comments

  1. Eu só conhecia a Raposa Escarlate pelas hqs da Liga Cômica e mais tarde, apareceu no desenho Liga da Justiça- Sem Limites. Mesma usando colante apertado e sem decote, ela se insinuava e até falou pra Poderosa que adorava o próprio corpo. Por muito tempo, não sabia que eram duas, da mesma forma que eu não sabia que a Poderosa é a Supergirl mais crescida vinda da Terra 2 ou sei lá de onde é agora.
    Engraçado o codinome dela não ser Raposa Castanha a julgar pela cor da roupa, né?

    Curtir

    1. Oi Anderson, é estranho mesmo. Mas acho que li em algum lugar que a personagem seria uma homenagem à Feiticeira Escarlate, o que explica o nome e aquele capuz/enfeite de cabeça bizarro! Abraços! =)

      Curtir

  2. Olha,tanto a Halo e a Divina são bens conhecidas já que a Abril publicou as primeiras e as ultimas histórias dos Renegados de depois a segunda encarnação dos Renegados na revista Superboy, já Miragem e sua equipe, a Tropa Titã, foi quase tudo publicado na revista Novos Titãs.

    Curtir

    1. Oi Renard! Talvez para a tua geração e a minha (eu não lia as revistas da DC na época que tu citou) elas sejam conhecidas. Mas pra quem pegou os gibis depois do formatinho, é bem seguro dizer que não conheça elas, pois apareceram muito pouco desde então mesmo em republicações! Abraços! =)

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s