[Retrospectiva HQ] As 15 Notícias Mais Impactantes dos Quadrinhos em 2017

Sim! Esse é um blog de análises e opinião e não um site de notícias. Mas que elas têm impacto na forma como encaramos essa “indústria vital”, ah elas tem. Por isso decidimos ranquear as notícias de maior impacto nos corações e mentes dos leitores de quadrinhos neste ano de 2017. Selecionamos algumas notícias, 15 para ser exato. Claro, é uma lista e, como todas elas, são subjetivas. Certo que muita coisa ficará de fora. Veja se a sua notícia preferida entrou na nossa seleção:

ANOdisney

A VENDA DA FOX PARA A DISNEY!!!

Depois de a Disney ter comprado a Marvel, e ter comprado a LucasArts, com todo conteúdo de Star Wars, a grande corporação cresceu os olhos para cima da FOX, que possuía os direitos de produção dos filmes de X-Men e Quarteto Fantástico. Se por um lado, agora poderemos ver todo Universo Marvel reunido, por outro ver grande parte do entretenimento americano nas mãos de uma empresa só faz lembrar o ano de 2099 da Marvel, em que duas grandes megacoporações mandavam no mundo: a Alchemax e a Stark-Fujikawa.

ANObendis

BRIAN MICHAEL BENDIS NA DC COMICS!

Depois de quase vinte anos na Marvel, o careca de Cleveland, que produziu muitas sagas elogiáveis, personagens memoráveis, desenvolveu um estilo próprio e estragou algumas coisas na Marvel, se despediu da Casa das Ideias. Bendis foi um dos responsáveis pela popularização da Marvel no século XXI e da concretização de seu universo cinemático. Agora ele vai para a DC Comics. Boatos acusam que ele irá trabalhar na revista do Superman ao lado do desenhista brasileiro Ivan Reis. É aguardar para ter certeza.

ANOnetflix

MARK MILLAR FAZENDO QUADRINHOS ESPECIALMENTE PARA O NETFLIX!

Mark Millar não está satisfeito com os milhares de dólares que vem ganhando com a produção de seus quadrinhos para o cinema e com seu cargo como consultor de filmes de quadrinhos da 20th Century FOX. Agora, sua linha de quadrinhos a Millarworld foi vendida para a Netflix. Então, ele irá desenvolver uma série sobre um grupo de magos imiscuídos na população, chamada The Magic Order, ao lado do desenhista francês Olivier Coipel. Essa série em quadrinhos será especialmente pensada para se tornar posteriormente uma série na Netflix. E se isso der certo, muitas outras a seguirão. Com certeza uma nova forma de transportar HQs para o audiovisual!

ANOshazam

ZACHARY LEVI SERÁ SHAZAM! E O FILME FINALMENTE VAI SAIR!

Eu vou dizer, sou fã do Zachary levi desde criancinha! Haha, tá bom, desde que ele fazia a série Chuck. Mas do Shazam!, sim, eu sou fã desde os 12 anos quando a Abril Jovem publicou o gibi dele. Amo muito o Shazam! e toda a mitologia dele, talvez ele seja meu super-herói favorito da DC Comics. Já sabíamos que o The Rock iria fazer o Adão Negro, mas quem faria o Capitão Marvel Shazam? A escolha foi feita e o filme finalmente vai sair. Não vou garantir para vocês que não vou chorar de emoção quando vir Billy Batson nas telas.

ANOdoctor

TEREMOS UMA DOCTOR MULHER EM DOCTOR WHO EM 2018!

Para quem não conhece Doctor Who, ele é um ser interdimensional que pode trocar de corpos para garantir a estabilidade de fluxo do tempo. Por isso, a série dele dura desde a década de 60 com vários atores no papel do Doctor. E embora seu arqui inimigo já tenha sido de outro gênero, o Doctor sempre foi do gênero masculino. Eis que em 2018 vai haver uma inovação: o Doctor vai ser uma mulher, interpretado por Jodie Wittaker. Isso que é sinal dos tempos, hein?

ANOrebirth

PANINI COMICS LANÇA (QUASE) TODO RENASCIMENTO DC NO BRASIL!

Quando a Panini trouxe a iniciativa Os Novos 52 para o Brasil, ela publicou todos os títulos da leva inicial. Entretanto, muitos deles tinham uma qualidade bem duvidosa. Esse ano, a editora de origem italiana trouxe a iniciativa Renascimento para cá. Dos títulos iniciais, apenas Besouro Azul não vai sair no Brasil. E cá entre nós, a revista é bem ruinzinha mesmo, coitado do Jaime Reyes. Não se sabe se a iniciativa está indo bem, mas sabemos que com ela veio um belo aumento de preços nos encadernados cartão, mas também um aumento na qualidade das histórias. O que, convenhamos, comparado com Os Novos 52, não é algo de difícil realização.

ANOwildstorn

O RETORNO DA MILESTONE MEDIA! O RETORNO DA WILDSTORM! O RETORNO DOS ANOS 90… NÃO?

A Milestone Media era um selo criado por Dwayne McDuffie dentro da DC Comics dedicado para heróis negros e outras minorias. A DC anunciou que em 2018 os heróis do selo Milestone retornarão com tudo para a editora. O selo Wildstorm começou na Image Comics sob a batuta de Jim Lee e, em 1998 foi comprado pela DC Comics, onde títulos como The Authority e Planetary floresceram. O criador desses títulos, Warren Ellis, trouxe em 2017 a minissérie The Wildstorm, repensando alguns heróis do selo. Isso dá um gostinho de anos 90, certamente, mas com uma roupagem bem 2010.

ANOslott

DAN SLOTT SE DESPEDE DO HOMEM-ARANHA EM 2018!

Depois de mais de 10 anos conduzindo o destino de Peter Parker e companhia, tendo trazido fases polêmica – mas que mudança no Homem-Aranha não é polêmica? – como o Homem-Aranha Superior, as Indústrias Parker, a Teia de Seda, entre outros, o gordinho do Slott se despede do Aranha em 2018 com uma história focada em Norman Osborn, o Duende VERMELHO??? Não sei vocês, mas o Slott foi um cara que me fez comprar Aranha regularmente depois de um longo tempo. Eu gosto muito dele e do jeito como escreve. Mas está na hora de ele abrilhantar outros heróis.

ANOkirby

JACK KIRBY E A MINHA VÓ FAZEM 100 ANOS (MAS SÓ MINHA VÓ CONTINUA VIVA)!

Jack Kirby criou uma pá de personagens na Marvel, como X-Men, Vingadores, Hulk, Thor, Capitão América, mas quem sempre levou o crédito foi Stan Lee. (que em notícias relacionadas, Stan Lee foi acusado de assédio sexual por suas enfermeiras). Esse anos, se estivesse vivo, Kirby faria 100 anos. Minha vó, Julieta, fez 100 anos e está aqui firme e forte, então, com licença, também preciso comemorar isso! Mas voltando ao Kirby, a DC fez muitas comemorações para ele em revistas e a Marvel não fez quase nada. E a Panini fez pior ainda e lançou o pior trabalho dele que é Super Powers. Jack Kirby deve estar chorando, onde quer que esteja, por ser tão ultrajado.

ANOmarry

BATMAN PEDE A MULHER-GATO EM CASAMENTO!

Nos anos 50, para tirar a imagem de gay, os editores do Batman trouxeram a Tia Harriet, a Batwoman e a Batgirl para as histórias de Bruce Wayne. Dessa vez, o escritor Tom King fez do jeito certo: fez com que o Brucinho pedisse a Mulher-Gato em casamento. Esse evento leva diretamente ao mundo da Terra 2, onde Bruce Wayne e Selina Kyle são casados e tem uma filha chamada Helena Wayne que vem a ser a Caçadora. Seria isso mais um sinal de que a DC estaria se reaproximando de sua velha cronologia? Acho que sim e acho ótimo. Xô, Novos 52!


ANOdooms

DOOMSDAY CLOCK: A (ESPERADA?) CONTINUAÇÃO DE WATCHMEN!

O escritor Geoff Johns estava afastado dos quadrinhos para cuidar dos filmes da DC. Mas agora ele retorna ao lado do ótimo desenhista Gary Frank para dar continuidade ao que começaram no one-shot Renascimento DC. A série se chama Doomsday Clock (Relógio do Juízo Final) e tem como intenção não só continuar a história de Watchmen, como aproximar esses personagens do Universo DC. Diferente do que aconteceu com Antes de Watchmen, a série tem arrebanhado público e crítica com os dois números (de 12) que saíram até agora. A minissérie promete provocar grandes mudanças reviravoltas no Universo DC. É aguardar para ver.

ANOrenumbering

A MARVEL RETOMA A NUMERAÇÃO ORIGINAL DE SUAS REVISTAS!

Mais uma iniciativa na Marvel. Não estamos cansados de tudo isso? Dessa vez, a editora das megacorporações promete voltar às raízes, seja lá o que eles querem dizer com isso, com a Iniciativa Legado Marvel. A intenção é resgatar momentos especiais para os personagens ao longo de suas carreiras. Por isso, a editora resolveu retomar a numeração de suas revistas como se elas tivessem corrido sem renumerações. Ok, tudo bem, isso e aquilo, blablabla whiskas sachê, mas quer ver que ano que vem isso já muda de novo. Que canseira, Marvel, que canseira…

ANOtwd

PANINI COMICS COMEÇA A PUBLICAR THE WALKING DEAD NO BRASIL!

Depois de mais de 10 anos de The Walking Dead ou Os Mortos Vivos tendo sido publicada pela HQM Editora, em vários formatos, com vários hiatos e retomadas, a Panini Comics finalmente assumiu os direitos de publicação. O pessoal da HQM foi muito esperto na época do lançamento de TWD e a Panini foi panaca ao rejeitar a série – assim como fez com a Valiant Comics, que era do HQM e agora é da Jambô e vai ganhar filmes em breve. O problema foi a não-continuidade da série aproveitando o mega sucesso da série de TV, uma vez que o preço dos royalties subia a cada mês. Agora, conforme a Panini fez com vários títulos da Vertigo herdados de diversas editoras, esperamos que TWD siga num ritmo normal por aqui.

ANOfiq

FIQ É ADIADO PARA MAIO DE 2018!

O Festival Internacional de Quadrinhos que ocorre bienalmente em Belo Horizonte, não teve sua edição de 2017 e foi adiado para maio de 2018. Tudo ocorreu por falta de recursos advindos da Prefeitura da capital mineira, que acho melhor adiar para este ano. Um dos maiores e melhores eventos de quadrinhos do país, o FIQ é um festival com entrada franca que preza pelo contato dos autores com o público, trazendo oficinas, bate-papos e palestras com grandes nomes do quadrinho nacional e internacional. A mudança para o mês de maio também é em função do clima abafado na capital mineira durante novembro, época em que o evento costumava ser realizado. A proximidade com outro grande evento quadrinistico, a CCXP, também pode ter sido um motivo para a mudança da época do festival. #ficaFIQ

ANOdiversity

A MARVEL CANCELA QUASE UMA DEZENA DE TÍTULOS! E TODOS LIGADOS À DIVERSIDADE!

Notícia triste, que muitos dizem ser um função da disneyzação da Marvel. Embora os defensores ferrenhos da Marvel digam que ela está trazendo mais revistas da diversidade como as de Dominó por Gail Simone, de Tempestade por Ta-Nehisi Coates e a equipe de X-Men de Jean Grey, por Tom Taylor, em X-Men Red, o cancelamento de cinco títulos ligados à diversidade num mês só pegou muito mal. Isso acabou afastando os leitores juntamente com as regras esquisitas do novo app da editora, Make Your Own Marvel.

ANOdeath

AS MORTES DO ANO:

Não poderíamos deixar de falar dos queridos nomes dos quadrinhos e arredores que nos deixaram no ano de 2017.

Len Wein
Criador do Wolverine e do Monstro do Pântano, entre outros grandes personagens e histórias, ele foi responsável pela criação dos Novos X-Men, que vinham de diferentes partes do mundo nos anos 70.

Adam West
O eterno Batman da TV, o eterno Batman Feira da Fruta. Embora o Batman de West ajudou a popularizar o personagem e os quadrinhos, também ajudou a imprimir aos quadrinhos uma imagem infantil e camp, ou seja, algo associado ao mau-gosto e coisas pejorativas.

Álvaro de Moya
Um dos maiores, senão o mais grande pesquisador de quadrinhos brasileiro, Álvaro de Moya foi o responsável pela primeira convenção de quadrinhos do Brasil e do mundo, realizada em São Paulo, nos anos 50. Autor do seminal livro Shazam!, que ajudou muitos pesquisadores de quadrinhos, inclusive este que vos fala, em suas pesquisas.

Bernie Wrightson
Grande desenhista de quadrinhos de horror, ficou famoso por seu trabalho em revistas como House of Secrets, na DC Comics. Também é um dos criadores do Monstro do Pântano, com seu traço inconfundível, que lembra plantas pantanosas. Por que será?

Flo Steinberg
A primeira mulher a trabalhar na Marvel. Flo era uma faz tudo nos primórdios da editora. Era ela quem respondia às cartas dos leitores e atendia às ligações dos fãs. Ela também gravou um disquinho com vários funcionários da Marvel na época em que a editora começava a se tornar cult.

Hugh Hefner
O eterno dono da Mansão Playboy e das coelhinhas, mais importante, ele foi o fundador da revista Playboy, que as pessoas leem pelas entrevistas. AHAM! Se por um lado, a revista e Hefner deixaram de legado as tais entrevistas de peso e profundidade, a importância dos cartunistas que trabalharam na publicação, incluindo quadrinhos do próprio Hefner, o nome playboy sempre estará associado a um estilo de vida bon-vivant cheio dos privilégios e à coisificação da mulher como mero deleite visual.

Jim Baike
Jim Baike foi um importante desenhista britânico que colaborou para revistas canônicas como 2000 a.D. e Warrior. Sua maior criação, entretanto, foi o robozinho Skizz, ao lado do mago inglês, Alan Moore.

E vocês, mergulhadores? Que notícias dos quadrinhos mais impactaram vocês em 2017? Não deixem de comentar, principalmente se eu deixei algo importante de fora!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s