Quem é o Lúcifer da Série de TV e dos Quadrinhos?

A série Lúcifer estreou ano passado no Brasil pelo canal à cabo Universal Channel. Mas o que poucos sabem é que ela trata de uma adaptação de uma série de quadrinhos. O personagem foi criado por Neil Gaiman, para sua série em quadrinhos Sandman, baseado no anjo Lúcifer da lenda cristã. Anos mais tarde ele ganhou uma série solo de quadrinhos que durou mais de setenta edições pelo selo adulto Vertigo. Neste post vou falar mais sobre o personagem dos quadrinhos, compará-lo com o da série e explicar porque a série corre o risco de cancelamento, embora tenha se tornado muito popular aqui no Brasil e fora dele.

A primeira aparição de Lúcifer nos quadrinhos da DC Comics, se deu na revista Superman’s Pal Jimmy Olsen #65 (dos anos 50), em que Jimmy Olsen, o amigo fotógrafo do Superman encontra um tal de Senhor L em sonhos. Jimmy acredita que ele seja um ancestral de Lex Luthor, mas na verdade ele é o próprio Lúcifer. Esse personagem apareceu outras vezes na DC Comics ao longo das décadas de 50 e 60. No selo Vertigo, ele estava programado para aparecer nas histórias Hellblazer, de John Constantine do roteirista Garth Ennis, mas como Neil Gaiman teria planos para ele em seu Sandman, o personagem de Constantine ficou conhecido como O Primeiro dos Caídos, mas algumas vezes ele também é referido como Satan.

LULUcomnparision
Um Drink no Inferno.

Já falei um pouco sobre a série nesse link aqui, além das polêmicas que ela causou no moralista Estados Unidos. Ela é estrelada por Tom Ellis, um ator e modelo do País de Gales, nascido em 17 de novembro de 1978 (fará 40 anos em 2018). E, embora, apesar dos trejeitos usado para compor o personagem Lúcifer na série, o ator não é gay, como alguns podem pensar. Ele já foi casado três vezes e em cada casamento produziu um filho. Ele também é famoso por suas participações em séries como The Walking Dead e Once Upon a Time, onde ele fez o personagem Robin Hood.

LULUpuppy
Au, au, au, o Lulu é infernal!

Nos quadrinhos, Lucifer Morningstar (Lúcifer Estrela-da-Manhã) apareceu pela primeira vez em Sandman#4, criado por Neil Gaiman e Sam Kieth. Gaiman além de responsável pelo sucesso do personagem, também é o criador do livro que deu origem à série American Gods e uma dos mais respeitados escritores de quadrinhos e de literatura do nosso século. Embora Lúcifer tenha aparecido pela primeira vez no arco Prelúdios & Noturnos, de Sandman, o maior destaque para o personagem se deu na saga A Estação das Brumas. Nela, o então governante do Inferno decide abandonar seu posto, deixando, então o Inferno sem regente. Isso cria uma disputa enorme entre anjos e divindades de diversos panteões. E cabe a Sonho, o protagonista da série Sandman resolver esse imbróglio, uma vez que Lúcifer o confiou a chave do Inferno.

LULUrasg
It’s getting hot in herre, so take of all your clothes!

Lúcifer Morningstar aparece outras vezes na série Sandman. Ele acaba abrindo um bar chamado LUX em Los Angeles ao lado de sua amante, a demônia Mazikeen. No final da série de Sandman,, revela-se, porém, que o Inferno não era um castigo, mas um presente: sendo o lugar mais distante possível do trono da luz, Lúcifer poderia ser separado de Deus tanto quanto possível. Lucifer nunca criou as características físicas do Inferno, o Inferno se criou ao seu redor. Depois de Sandman acabar, a Vertigo confiou a Mike Carey e Peter Gross, os roteiros e desenhos de uma minissérie de Lúcifer, chamada A Opção Estrela-da-Manhã. Mike Carey, o desenvolvedor do personagem diz o seguinte sobre ele:

LULUshirtless
Se você não usar desodorante, ficará com asa que nem ele…

Nós [humanos] lidamos com segurança. A maioria de nós o faz, na maioria das vezes … mas Lúcifer não conhece o significado de segurança, e ele nunca se preocupa em olhar para o chão que pisa. Ele vai aonde quer que prefira, elege suas lutas onde ele as encontra e geralmente ganha… seguindo sua própria vontade e [seus] próprios instintos até o fim da linha, não importa quais sejam os obstáculos colocados a sua frente.

LULUmornin

Os temas da série de quadrinhos de Lúcifer, assim como na série de TV, envolvem o díptico: “destino ou livre arbítrio”, um jogo que ele gosta de jogar e de envolver as pessoas nele. Também existe uma tema muito caro dentro do universo mágico da DC Comics: a negociação, a promessa, a palavra que deve ser cumprida. A série Lúcifer durou de 2000 a 2006, por 75 edições, todas escritas por Mike Carey. Também foi publicada uma graphic novel intitulada Lúcifer: Nirvana.

No Brasil, as histórias em quadrinhos de Lúcifer foram publicadas por diversas editora, principalmente as de Sandman, No caso de suas histórias-solo, foram publicadas em dois encadernados pela Brainstore, que foram compilados pela Panini Comics em Lúcifer: O Diabo à Porta. Outras 6 edições (de #5 a #11) foram publicadas na revista Sandman: Apresenta, da Brainstore. A graphic novel Lúcifer: Nirvana, foi publicada pela Editora Opera Graphica em uma edição no ano de 2005.

LULUpadre

Em 2015, com a saída de Karen Berger da presidência da Vertigo, foi trazida uma nova série de Lúcifer, seu segundo volume, dessa vez com roteiros da escritora Holly Black (The Spiderwick Chronicles) e desenhadas por Lee Garbett (Loki). Essa edição teve três encadernados e durou 18 edições. A primeira delas, Inferno Congelado, saiu este mês pela Panini Comics devido à popularidade da série de TV, que está passando no Universal Channel no Brasil.

Apesar de sua popularidade, e tenha sido renovada para a terceira temporada, a série tem os dias contados. Isso porque ela é uma série feita pela Vertigo, que é um braço da DC Comics, mas é transmitida pelo canal a cabo americano FOX. Recentemente, a Disney que possui a Marvel, que é rival da DC Comics, comprou a FOX. Logo, tanto esse show, como Gotham, que é o mesmo caso de Lúcifer, serão cancelado pela FOX. Seu destino, por enquanto, é incerto, assim como as almas condenadas que vão parar no infeee-ee-e-erno! Que meda!

LULUauau

12 comentários sobre “Quem é o Lúcifer da Série de TV e dos Quadrinhos?

  1. Desculpa…. mas acho que vai pagar com a lingua hahahahaha Luci voltará para a 4, 5, 6, 7, 8 temporada se bobiar. Cada episódio que passa a audiência aumenta, e a Disney já avisou aos fãs tanto de Luci quanto de Gothan que irão dar continuidade a ambas afinal time que está ganhando……… né mesmo? E com Luci ocupado fazendo tantos favores… difícil ser cancelado…..

    Curtir

    1. Que bom que não foi cancelada então, porque na esteira da Disney, daqui a pouco eles vão comprar os nossos corpos e nós não poderemos decidir o que fazer com eles… Abraços! =)

      Curtir

    1. Pois é, podia não ser muito fiel às HQs, mas pelo menos servia para chamar gente para os quadrinhos dele e demais publicações da Vertigo. Abraços! =)

      Curtir

Deixe um comentário, caro mergulhador!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.