Algumas Campanhas de Quadrinhos no Catarse Para se Apoiar em Dezembro

Chegou dezembro! Como não temos mais como fazer nossos checklists da Panini, resolvemos fazer outro serviço de utilidade pública: um checklist de campanhas de quadrinhos no catarse. Assim se apoia o trabalhos magnífico dos quadrinistas e se valoriza menos os enlatados americanos de qualidade duvidosa. A CCXP acabou, mas as campanhas do Catarse não param, não param mesmo, porque muita gente quer por seu quadrinho na rua e conta com a sua ajuda para apoiar essa movimentação que é o financiamento coletivo. Sem mais delongas, vamos então à nossa lista de campanhas de quadrinhos no Catarse para se apoiar em dezembro.

Continuar lendo “Algumas Campanhas de Quadrinhos no Catarse Para se Apoiar em Dezembro”

Vingadores Um Milhão Antes de Cristo. Estigma: Gay, Outsider e Estigmatizado

Na mais recente edição de Vingadores, escrita por Jason Aaron e desenhada por Dale Keown ficamos sabendo quem foi o primeiro humano a receber a marca do evento branco, o primeiro hominídeo a receber o poder de Estigma, que vem passando de anos em anos por diversos homens e mulheres. A novidade desta vez é que o primeiro ser humano a receber a marca do estigma foi um homossexual apartado da sua tribo por ter um comportamento sexual que destoa dos outros. O estigma é uma marca comportamental ou física que separa uma pessoa do convívio social pelos demais. A homossexualidade foi – e continua sendo – um fator de estigmatização. Vamos discutir um pouco sobre esse tema a partir da revista da Marvel e das teorías de sociólogos e antropólogos como Norbert Elias e Erving Goffman sobre estigma e estigmatização. 

Continuar lendo “Vingadores Um Milhão Antes de Cristo. Estigma: Gay, Outsider e Estigmatizado”

Fomos Conhecer a Exposição Batman 80 Anos

No dia 14 de novembro de 2019 eu e minha amiga Julia fomos conhecer a estonteante Exposição Batman 80 Anos, que comemora esse milestone do Homem-Morcego com mais fanáticos no mundo do que o Flamengo ou qualquer time de futebol. A exposição é incrível com várias maneiras de interação a partir do público e recheadas de informação sobre o universo do Batman. Ela também conta com os materiais das coleções de dois dos maiores fanáticos pelo Batman do país, Ivan Freitas da Costa e Marcio Escoteiro, que cederam suas memorabilias e edições raras da coleção. Neste post vamos falar mais sobre a Exposição Batman 80 Anos bem como mostrar algumas das belas fotos que a Julia tirou da expo para que vocês adentrem a mostra com os olhos e o coração. Preparados? Vamos lá!

Continuar lendo “Fomos Conhecer a Exposição Batman 80 Anos”

Como Foi o Primeiro Fuzuê Nerd em São Paulo

Aconteceu no feriado de Proclamação da República, no dia 15 de novembro de 2019 a primeira edição do Fuzuê Nerd, um evento para celebrar a movimentação nerd em todas as instâncias. O acontecimento tomou lugar em diversas salas do centro de convenções do Novotel Jaraguá, no centro da capital do estado de São Paulo. Reunindo diversos profissionais das histórias em quadrinhos, produtores, artistas, especialistas, jornalistas e youtubers, esta primeira edição serviu para demonstrar a força do segmento e como a diversidade também atrai um público fiel. Vamos falar um pouco mais sobre o evento neste post.

Continuar lendo “Como Foi o Primeiro Fuzuê Nerd em São Paulo”

Erik Killmonger e os Rituais de Escarificação

O que são as marcas no corpo de Erik Killmonger, o suposto vilão do filme de super-heróis, Pantera Negra, dirigido por Ryan Coogler em 2018? É a escarificação, que é uma forma ritualística de marcar o corpo como a tatuagem. Assim como a tatuagem, a escarificação também passou por uma virada cosmética e passou a ser um elemento de estética corporal, uma forma de inscrição e marca corporal com intuitos de diferenciação e identidade visual. Mas o que a escarificação significa e para que servia enquanto elemento tribal? Como ela pode ser interpretada no corpo de Erik Killmonger no filme Pantera Negra? Vamos discutir isso?

Continuar lendo “Erik Killmonger e os Rituais de Escarificação”

Super-Heróis Que Já Visitaram o Brasil

Com a vinda de Conan para o Brasil em uma das últimas edições de Savage Avengers com o intuito de libertar escravas sexuais em Porto Alegre, resolvemos trazer para vocês uma listinha com alguns outros super-heróis que já visitaram as terras tupiniquins. Adiantadamente já pedimos desculpas se deixamos alguém de fora, afinal não lemos todas as revistas de super-heróis do mundo. Mas podemos lembrar de algumas vindas memoráveis de super-heróis para o Brasil que trazemos nesta lista para vocês, mergulhadores. Comprem suas passagens para visitar as maravilhas do Brasil junto com nossos amigos super-heróis!

Continuar lendo “Super-Heróis Que Já Visitaram o Brasil”

Interseccionalidade: 10 Super-Heroínas Negras Mais Importantes dos Comics

Interseccionalidade é uma palavra que nomeia as diversas relações de poder e de discriminação que um indivíduo pode sofrer através de suas agências e políticas de identidade. O termo foi cunhado pela advogada norte-americana Kimberlé Crenshaw em um artigo que ela estudava os motivos pelos quais as mulheres negras da General Motors recebiam menos que qualquer outro tipo de combinação identitária naquela indústria automobilística. O termo interseccionalidade foi criado, a princípio, para se pensar os cruzamentos das relações entre gênero e raça, mas também pode ser pensando na maneira de se estudar outras interseccionalidades, como sexualidades e necessidades especiais. Neste post vamos falar um pouco mais sobre a interseccionalidade e trazer uma lista das 10 super-heroínas negras mais importantes dos comics de super-heróis. Vamos lá? 

Continuar lendo “Interseccionalidade: 10 Super-Heroínas Negras Mais Importantes dos Comics”

Discutindo as Críticas de Martin Scorsese ao Marvel Studios

Quando a estreia de um filme do universo dos super-heróis se aproxima, ela sempre vem recheada de polêmica. A grande parte das declarações são que ou o filme vai dar errado ou ainda, que não pode nem ser considerado um filme. Foi o caso da declaração do renomado diretor Martin Scorsese durante o período de estréia do filme Coringa (2019), dizendo que os filmes da Marvel se assemelham mais a parques de diversões do que a filmes, e que não podem ser considerados assim. Já a atriz da série Friends, Jennifer Aniston, declarou que praticamente não existem outros filmes em Hollywood além dos filmes da Marvel. Se levarmos o sofisma dessas duas declarações, o cinema, a partir dos filmes de super-heróis deixou de existir. Sabemos que essas declarações têm um fundo de verdade, mas será que Scorsese precisa atacar os filmes de super-heróis? Venha discutir esse assunto conosco! 

Continuar lendo “Discutindo as Críticas de Martin Scorsese ao Marvel Studios”

Conheça o Super-Herói Brasileiro Baseado em Roberto Carlos e na Turma de Riverdale

Eram os anos 1960, e o rock and roll estava fervilhando em todos os inferninhos ao redor do Brasil. Era uma brasa, mora? Todos os brotinhos e os galãs estavam requebrando o esqueleto nesse iê-iê-iê. Era a onda da Jovem Guarda, em que muitos dos artistas brasileiros queriam de verdade serem os ídolos do rock dos Estados Unidos. Roberto Carlos, Erasmo Carlos, Wanderléa, Waldirene, Martinha, The Fevers, Renato e Seus Blue Caps foram alguns dos mais influentes músicos brasileiros que representaram essa onda. Nesse ínterim, era óbvio que essa influência reverberasse nos quadrinhos. Roberto Carlos chegou até a ter uma revista, mas o ápice dessa influência foi o super-herói Golden Guitar. Vamos falar mais dele a seguir. 

Continuar lendo “Conheça o Super-Herói Brasileiro Baseado em Roberto Carlos e na Turma de Riverdale”

10 Casos em que “Não era Amor, Era Cilada” dos Super-Heróis

Chegou o Molejão! É isso aí! Inocente, apaixonado. Eu ‘tava crente crente que ia viver uma história de amor. Quem nunca se sentiu assim que atire a primeira pedra! É uma cilada, Bino! Muitas vezes o cilador pode se confundir com o ciladado, porque se o amor é alguma coisa, é uma relação de trocas. Para o seu vilão o vilão é você mesmo. Afinal, se um não quer, dois não amam e se um não quer, dois não brigam. Se existe alguma culpa no cartório, certamente é dos dois. Mas longe de discutir a natureza dos relacionamentos estão as histórias de super-heróis que nos fazem pensar tudo tudinho no preto e branco e em heróis e vilões. Viemos trazer essas ciladas muito mais fáceis de sair e de se entender do que na vida real. Por isso, não confunda a realidade com a ficção. Na realidade, os vilões não são tão bem definidos quanto nos quadrinhos!

Continuar lendo “10 Casos em que “Não era Amor, Era Cilada” dos Super-Heróis”

Chrises (Evans) Nas Infinitas Telas

Ah, Chris Evans, seu danadão! Você conquistou nossos corações! Mesmo que muitos não gostassem deste ator quando ele fez o Tocha Humana no filme do Quarteto Fantástico, todos tiveram que dar o braço a torcer para o seu Capitão América que não entendia as referências. Evans representa o ideal de beleza americano, o All-American Guy, loiro, de olhos azuis e de corpo perfeito e como nós, brasileiros consumimos tudo que os estadunidenses nos empurram, também valorizamos esse tipo de beleza. Então foi fácil que se associasse o ator Chris Evans como um modelo perfeito de intérprete para personagens de filmes de super-heróis ou ainda de quadrinhos. Nesse post vamos listar alguns desses papéis realizados pelo ator. Continuar lendo Chrises (Evans) Nas Infinitas Telas

10 Grandes Editoras dos Comics: Hoje e Sempre

Vamos falar sobre grandes editoras dos comics? Bom, quando falamos em grandes editoras não queremos falar sobre casas publicadoras como a Marvel e a DC Comics. Queremos falar da força das mulheres por trás de grandes publicações da indústria dos comics norte-americanos. Muita gente por aí não valoriza o trabalho das mulheres e acha que elas ficam a dever quando se trata de qualidade. Este post serve para desfazer esse mito, mostrando que muitos dos trabalhos importantes dos quadrinhos foram feitos a partir da orientação de mulheres. Estão preparados para conhecê-las? Então vamos lá!

Continuar lendo “10 Grandes Editoras dos Comics: Hoje e Sempre”

O Universo de Sandman: Lúcifer e O Sonhar

Sandman está de volta! Ou será que não está? Isso porque nessa nova levada dos títulos inspirados na obra de Neil Gaiman tudo começa com a partida de Daniel, o novo mestre do Sonhar. Essa ausência começa a provocar modificações por tudo, inclusivo nos demais títulos relacionados com esse universo como Lúcifer, Livros da Magia e A Casa dos Sussurros, todos publicados posteriormente a este título. É no especial Sandman Universe que reencontramos esses personagens. Alguns deixados para trás há muito tempo, outros largados mais recentemente e outros ainda, novas caras para uma nova geração de leitores. Neste post vamos falar um pouco mais sobre O Sonhar e sobre Lúcifer, os dois primeiros títulos de O Universo de Sandman a chegarem no Brasil e como a realidade onírica tem a ver com a mais pura realidade. 

Continuar lendo “O Universo de Sandman: Lúcifer e O Sonhar”

Comemorando o “Batman, Dei”: Batman e Outros Super-Heróis Pelados

Rá! Você achou que iriamos ficar com a morcega de fora das comemorações do “Batman Dei”? Nananina. Necas! Necas mesmo, gente! Vamos comemorar esse dia tão especial do Homem-Morcego com um ensaio erótico feito para a Revista G Magazine (Revista G Magazine é meio O The Flash, né?) que traz não só o Bátima, mas seus amigos heróis e concorrentes Homem-Aranha e Capitão América. Quem será que ganha essa diz puta? Essa luta de espadas? Bem, dessa vez os paus estão realmente na mesa e você pode comparar pra ver quem ganha! Essa é a nossa “homenagem” ao Batman e sei que você também vai querer homenagear! Então, chama o Bat ma pra mim!

Continuar lendo “Comemorando o “Batman, Dei”: Batman e Outros Super-Heróis Pelados”

Algumas Analogias Sobre Adoção nas Histórias de Shazam!

Existem diversas alegorias e metáforas no universo das revistas do Capitão Marvel, agora chamado apenas de Shazam! Muitas delas, contudo, se referem à família. Essa instituição social tem uma importância mais profunda na série de Shazam! principalmente porque Billy Batson é órfão e é uma criança, diferente de outros heróis que são órfãos mas são adultos como Batman, Superman e Homem-Aranha. Por isso, as alegorias à família e à adoção são mais destacadas tanto em versões atuais de Billy Batson tanto nos quadrinhos quanto em seu filme recente. Mas o escritor dominicano Junot Diaz tem uma ideia interessante sobre essas metáforas que vamos apresentar neste post. 

Continuar lendo “Algumas Analogias Sobre Adoção nas Histórias de Shazam!”

Audace: O Selo Adulto da Sergio Bonelli Editore

Se a DC Comics teve a Vertigo e a Marvel teve a Marvel MAX, a Sergio Bonelli Editore, casa dos fumetti mais queridos do mundo, tem a Audace. Esse é o selo de quadrinhos adultos da editora de Tex e companhia, que oferece histórias mas maduras, com um conteúdo com temáticas que são mais perversas e eróticas do que a editora costuma oferecer geralmente. A novidade para nós brasileiros é que este selo está aportando no Brasil, através da Panini Comics, nos títulos Deadwood Dick e Mister No: Revolução. Vamos falar mais sobre esse selo e sobre o que esperar de seus títulos neste post.

Continuar lendo “Audace: O Selo Adulto da Sergio Bonelli Editore”

Desejo: O/A Perpétuo/a da Série Sandman e Sua Androginia

Seja em Sandman: Prelúdio ou no arco A Casa de Bonecas, Desejo está por trás da trama e dos desafios, muitas vezes imensamente sofridos, enfrentados por Lorde Morpheus, o Sonho, o Sandman do título da série. Mas não é o desejo que está por trás de todos os nossos sofrimentos, não é por desejarmos e nos frustramos por não conseguirmos o que desejamos que muitas vezes nos deparamos com a versão gêmea de Desejo, Desespero? Hoje vamos falar um pouco mais sobre essa misteriosa entidade, sem gênero, mas com imenso poder que move toda a humanidade e na maioria das vezes é imensamente cruel em suas manipulações e jogos com que enreda a todos nós, reles humanos.

Continuar lendo “Desejo: O/A Perpétuo/a da Série Sandman e Sua Androginia”

O Machismo e as Histórias da Batwoman dos anos 1950

Nos dias de hoje muito se fala sobre Kate Kane, a Batwoman como um epítome da lebianidade nos quadrinhos. Mas antes dela, havia nas histórias em quadrinhos Kathy Kane, a Batwoman dos anos 1950, que foi criada como uma compensação para o sentimento de homossexualidade latente entre Batman e Robin, destacado pelo psiquiatra Fredric Wertham em seu livro Sedução dos Inocentes. A personagem foi abordada nas histórias de Grant Morrison num retcon, mas havia sucumbido muitos anos antes no final da década de 1970. Batwoman foi um fruto de seus tempos, usando uma cartilha de atuações para lá de machista em todos os caminhos que suas histórias tomavam. Neste post vamos falar sobre as consequências do Código dos Quadrinhos nas histórias de Batman e Robin a partir da inserção da Batwoman, Kathy Kane.

Continuar lendo “O Machismo e as Histórias da Batwoman dos anos 1950”