Todos os posts com a tag: brasil

As Ladys Libertadoras versus Os Vingadores: Proto-Feministas da Marvel

“Tá certo, garotas, isso acaba com esses machos porcos chauvinistas! De agora em diante é com a Valquíria e suas Ladys Libertadoras!”. Essas frases estavam na capa de Vingadores #83, de 1970, exibindo Valquíria e um bando de mulheres da Marvel derrotando uma turma de homens dos Vingadores. O movimento feminista mal tinha começado nos Estados Unidos e a Marvel já o exibia em suas capas.

Anúncios

Destaques do Checklist Marvel / Panini Comics Para Maio 2017

Olá mergulhadores! Esse mês nós temos a programação das revistas, mas não temos as capas. É mais ou menos assim: você quer assistir a uma série, tem a sinopse, mas não tem os atores. E assim continuamos. Pensem nos efeitos especiais e se concentrem, que isso aqui não é Netflix. Pelo menos uma coisa é boa: estamos na metade do mês e não no final, como sempre. Já é um avanço. Letisgo ao que interessa!

O Ultraverso da Malibu Comics no Brasil

Talvez você já tenha ouvido falar do Ultraverso, talvez não, mas foi uma das marcas dos Anos 90 nos Estados Unidos, com a editora Malibu Comics, uma das grandes potências da cor digital daquela época. E isso respingou aqui no Brasil quando a Mythos Editora trouxe seus crossovers com a Marvel para nossas bancas. Mas, caro leitor, existe muito mais entre a Malibu e a Marvel que julga vossa vã filosofia. E você saberá a seguir.

O Sanctum Sanctorum do Doutor Estranho Enquanto Personagem

Você já reparou como a casa do Doutor Estranho, o Sanctum Santorum, possui um papel importante nas histórias dele, principalmente nessa nova fase por Jason Aaron? Pois é, e mesmo no filme de Stephen Strange, o local, novo para ele, também possui um grande destaque. Então agora vamos falar desse local sagrado e santo para a magia do Universo Marvel.

Melhores e Piores Leituras de Abril de 2017

Sabe aqueles meses em que o mundo gira muito depressa? As notícias correm muito rápido, os desastres acontecem, você não para de estudar e trabalhar e tudo que você quer é um divertimento bobo, bem tolinho, só pra se esquecer do que está correndo atrás de você? Bem, esse foi o meu Abril. Então não esperem encontrar aqui grandes leitura que façam pensar, refletir e/ou construir um degrau acima na sua iluminação. Esse mês as leituras foram mais para desopilar do que pra qualquer coisa, como você pode perceber. Por isso, não temos muita coisa da Vertigo e o que tem, bem, decepciona muito. Vejam a seguir! MELHORES: MOTOQUEIRO FANTASMA: MÁQUINAS DA VINGANÇA, DE FELIPE SMITH, TRADD MOORE E DAMIEN SCOTT A nova versão do Motoqueiro Fantasma para as novas gerações conseguiu até uma aparição no seriado dos Agentes da SHIELD na TV, com Gabriel Luna interpretando Rob Reyes. Só que, aqui no Brasil, temos um problema, o Motoqueiro Fantasma não é Motoqueiro, ele é piloto. Afinal, ele não dirige uma motocicleta, ele dirige um …

Destaques do Checklist Marvel / Panini Comics Para Abril de 2017

Não, você não leu errado. Os destaques são do checklist de abril mesmo, aqui, na rabeira da última semana de abril, quando as bancas entopem das revistas do mês só para dizer que saíram no mês. Enquanto isso, não temos nenhum checklist oficial mas, pelas informações divulgadas, podemos montar alguma coisa para vocês.

O Problema da Defasagem na Indústria de Quadrinhos Periódicos

Você já desistiu de ler um quadrinho porque a continuação dele não vinha nunca? Eu já. E tenho desistido ao longo do tempo. Afinal, não existe memória tão boa assim que consiga reter uma história por mais de três meses sem relê-la. Vou falar aqui um pouco dos problemas dessa defasagem no consumo e na apropriação das histórias pelos leitores.

A “Teoria do Degrau” e a Mudança de Gostos na Leitura de Quadrinhos

Quem lê quadrinhos há muitos tempo, como eu, que leio há mais de vinte anos, sabe que nossos gostos e preferências de leitura vão mudando ao longo do tempo. Por isso resolvi trazer da literatura a “teoria do degrau” para discutirmos um pouco o avanço – ou regressão – desses gostos e hábitos.

Será Mesmo Que Diversidade Não Vende?

No último mês, os executivos de vendas da Marvel Comics acusaram a diversidade dos seus personagens como fator das baixas vendas das suas revistas.Enquanto isso, a DC Comics, com títulos quinzenais dos seus medalhões está dando de lavada na concorrente no quesito vendas. Mas será mesmo que diversidade não vende?

As TOP 10 Musas dos Quadrinhos Europeus

Chegou a hora dessa gente que não é bronzeada mostrar seu valor! Estou falando dos quadrinhos europeus! E também estou falando das musas deles. Só que, diferente dos quadrinhos americanos, onde a sensualidade é velada e não é discutida, nos europeus, as suas musas são, sim, é dos quadrinhos eróticos. A seguir, citamos dez delas.

Quem Foi A Primeira Super-Heroína Criada Por Uma Mulher?

A primeira super-heroína criada por uma mulher surgiu nos anos 70? Nos anos 90? Se você respondeu qualquer década recente, você está redondamente enganado! Essa personagem surgiu logo nos anos 40, durante o boom dos super-heróis durante a Segunda Guerra Mundial. Agora você vai conhecer a personagem e a autora!

O “Complexo de Vira-Lata” dos Quadrinhos

Em 1950, em pleno Maracanã, a Seleção Brasileira foi derrotada pela Seleção Uruguaia de Futebol, na final da Copa do Mundo daquele ano. Uma crônica do jornalista e dramaturgo Nelson Rodrigues atribuiu a derrota do time brasileiro à uma espécie de trauma, que batizou de viralatismo. A seleção só se recuperaria do choque em 1958, quando ganhou sua primeira Copa do Mundo de Futebol. Mas isso não se aplica somente ao futebol ou aos brasileiros. Aqui, vamos ver como isso se aplica aos quadrinhos.

Ele Não Surfa Nada! Porque Eu Não Gosto do Surfista Prateado

O Surfista Prateado é conhecido como o herói cósmico, filosófico, que gosta de questionar as coisas do mundo e de fora do mundo. Isso pode torná-lo muito legal ao mesmo tempo que pode deixar ele um chato de galochas para granizo. Vou explorar um pouco da história deste herói para que você entenda porque eu não gosto do Surfista Prateado.

“Entrei na Feira da Fruta”, a Famosa Redublagem do Batman de 1966

Quem diria que um redublagem do seriado do Batman de 1966, feita por “apenas dois garotos” iria fazer tanto que alcançaria fama nacional e, quiçá, internacional? O vídeo se tornou cult e hoje não existe um fã de quadrinhos (ou não) que não saiba da existência do famoso vídeo “Bátima: Na Feira da Fruta”.

Os Antecedentes dos Quadrinhos

O que veio antes o balão ou a tirinha? Séculos, mais de dez mil anos anos antes de você abrir sua primeira revistinha em quadrinhos, muito antes de o Superman surgir, a arte sequencial já existia e orientava a nossa sociedade. Descubra aqui os primórdios dos quadrinhos que nos fizeram comunicar utilizando palavras e imagens justapostas.

Um Quadrinho Deve Divertir ou Passar Uma Mensagem em Primeiro Lugar?

Uma das discussões mais acaloradas nas redes sociais se deve à função primária das revistas e das histórias em quadrinhos. Em primeiro lugar, elas devem divertir os seus leitores ou devem passar uma mensagem, uma moral e educar quem está lendo uma revistinha? Esse é o dilema da vez e, a seguir, ele será destrinchado e chegado a um veredito! Come on, babe, let’s do the twist!

Riverdale: A Série de TV da Turma do Archie

Em fevereiro estreia a série Riverdale, a nova série do canal CW, casa de Arrow, Flash, Supergirl, Gotham e Legends of Tomorrow. Riverdale é a cidade onde moram Archie Andrews e sua turma. Também é uma série vinda dos quadrinhos, mais precisamente dos anos 40. Mas quem é Archie Andrews, por quê ele é tão importante e por que os brasileiros praticamente o desconhecem?

10 Quadrinhos Autobiográficos Para Você Se Identificar

Quadrinhos autobiográficos talvez sejam os mais fáceis para um leitor se identificar. Afinal, eles estão contando as histórias dos próprios autores, o que faz com que elas ganhem maior verossimilhança e, portanto, geram maior identificação.Os quadrinhos autobiográficos também são aqueles que provocam mais reações emocionais nos leitores, por causa dessa estreita ligação com personagens reais. Agora ofereço a você uma pequena lista com alguns desses principais quadrinhos que saíram aqui no Brasil.

Visões de 2020, de Jamie Delano, Frank Quitely, Warren Pleece e Outros

O ano de 2020 está chegando, mas muito antes dele, em 1997, o autor da Vertigo, Jamie Delano imaginou como seria o futuro três décadas depois. O resultado é bastante bizarro, mas algumas coisas, estranhamente fazem sentido, como se fosse uma realidade alternativa do que estamos para viver. Isso baseado em decisões tomadas mundialmente, como a eleição de Donald Trump. Mais, a seguir

A Importância do Humor nos Quadrinhos de Super-Heróis

Os quadrinhos de super-heróis sempre tiveram elementos de humor. Um prova evidente disso é que o nome americano dos gibis se chama comic books, dada a origem humorística das primeiras publicações nesse estilo e formato. Hoje, comics, é sinônimo de super-heróis. Claro, existem aqueles que não curtem o humor presente nos quadrinhos. “Super-herói bom não dá risada, dá socos”, diriam. Aqui vamos dar uma olhada superficial sobre o humor e como ele se encaixa nos quadrinhos.

Quem é Laura Kinney, a Novíssima Wolverine?

Caso você não saiba, na Marvel pós-Guerras Secretas, tem um novo Wolverine na cidade. E não, não é o Velho Logan. Na verdade é uma WolverinA. Ela é Laura Kinney, a X-23. E caso você não saiba também, ela será um dos personagens principais no filme Logan, que sairá em março de 2017 nos cinemas brasileiros. Então, por que você não aproveita e dá uma olhada na história e na carreira dessa personagem que surgiu primeiro nos desenhos animados?

Os Quadrinhos Mais Vendidos em Livrarias de 2016

O ano (quase) acabou! Então é o hora de conferirmos no site de informações editoriais Publish News quais foram os quadrinhos mais vendidos do ano de 2016. Vale lembrar que a lista aqui vale apenas para vendas em livrarias físicas, excetuando-se as vendas por meio digital, e aqui são computadas apenas as grandes redes de livrarias como Cultura, Saraiva, Travessa e FNAC. De qualquer forma dá para traçar algumas análises. A lista das 30 mais vendidas e a análise estão a seguir.

Os Melhores Quadrinhos Brasileiros Que Li em 2016

É isso aí mergulhadores, chegamos ao fim das nossas listas de final de ano! Uhuu! Mas pra essa lista preciso esclarecer alguns critérios. A lista dos melhores quadrinhos brasileiros extrapolou o número de dez. Então, o critério foi excluir quadrinhos consagrados como Los Três Amigos, A Volta da Graúna, Sottovoce e Mundo Pet, para abrir espaço para as novas gerações. Dito isso, vamos lá às escolhas:

Os Melhores Quadrinhos da Vertigo Que Li em 2016

De novo, essa lista contém praticamente relançamentos ou coisas de anos atrás lançadas pela primeira vez aqui. Será que as coisas que estão ficando chatas ou sou eu que estou ficando um velho, chato, exigente e resmungão com os quadrinhos? Que dilema! Bem, vamos lá aos melhores quadrinhos da Vertigo que li em 2016!

Os Melhores Quadrinhos da Marvel Que Li em 2016

Infelizmente vimos esse ano como a Marvel vem perdendo a força e a inovação. Dos quadrinhos selecionados aqui, boa parte deles são republicações. Ou isso significa que a Marvel está vindo com coisas ruins, ou que o que sai em encadernados (a base e o protetor destas listas) não vale tanto a pena sair dessa forma. Jogo essa reflexão para vocês. O que acham? E aqui vai minha lista:

Frank Cho x Garth Ennis: Duas Maneiras de Ver As Mulheres nos Quadrinhos

Lendo a minissérie Onde Vivem Os Monstros, escrita por Garth Ennis e desenhada por Russ Braun, que faz parte da saga Guerras Secretas da Marvel, percebi uma paródia bem engendrada para a série Shanna: A Mulher-Demônio de Frank Cho. Com certeza as duas minisséries apresentam maneiras diferentes de encarar o papel da mulher neste mundo. Aqui discuto um pouco essas duas aproximações.