Todos os posts com a tag: brian azzarello

Melhores e Piores Leituras de Julho de 2019

Caros mergulhonautas e splashonados, já é agosto e julho chegou ao final! Então é hora do quê? Do quê? Da nossa listinha esperta de leituras melhores e piores feitas no mês, com diversos tipos de leitura, do europeu ao mangá, do gringo ao nacional, do mainstream ao experimental. Também temos algumas mini resenhas sobre livros teóricos sobre quadrinhos. São mais de quarenta mini resenhas este mês, então pegue sua pipoquinha para se preparar para ler essa enorme lista de leituras!

Destaques do Checklist da Editora Mythos Para Março de 2019

Chegou março e com ele, os checklists! E a Mythos Editora tem se adiantado nos seus, enquanto os demais, como os da Panini vão rareando aqui. Mês passado não teve o checklist da Marvel porque não havia as capas disponíveis em bom tamanho, apenas em miniatura e dentro do catálogo da Panini. Assim, seguimos com o que temos. Cansei de mover mundos e fundos pra ir atrás dos checklists em benefício apenas da Panini. Vamos valorizar quem nos valoriza. Nesse caso é a Mythos, que sempre manda o seu checklist bonitinho e disponibiliza sinopse e capas bonitinhas também. Vamos lá!

Melhores e Piores Leituras de Fevereiro de 2019

Cinquenta! Cinquenta, caros mergulhadores! Temos cinquenta miniresenhas de quadrinhos e de livros sobre quadrinhos de diversos tipos neste mês de fevereiro. Com certeza um recorde! Nem um (ou nenhum) site que é mantido por diversas pessoas traz esse número de minirresenhas para vocês por mês! E esse aqui, na prática, é mantido apenas por um (com algumas colaborações bem esporádicas). Então, sente-se num lugar bem confortável que tem muito muito muito texto para ser lido a seguir e muitos quadrinhos (bons e ruins) para você chegar (ou não) a uma conclusão sobre eles!

John Constantine Praticou Sexo Anal Com um Homem. Então ele é gay? Ou “só” Bissexual?

Chegou às bancas neste mês de fevereiro a edição número um de John Constantine: Hellblazer – Amaldiçoado, coleção que compila as histórias escritas por Brian Azzarello para o personagem. O encadernado abre com uma cena de sexo anal entre um prisioneiro negro e forte e John Constantine. Nela, John assume o papel de passivo na relação sexual. Mas será que isso faz com que o personagem seja homossexual? Depois desta fase na revista, a DC Comics resolveu declarar o personagem como bissexual. Essa foi a primeira vez que li a dita história. Vou explicar algumas coisas para vocês a respeito deste arco, de John Constantine e de sexualidade humana para desmistificar alguns mitos que envolvem essa “etiquetação” da identidade sexual que as pessoas costumam fazer umas das outras e, claro, debater o que isso tem a ver com nosso Hellblazer.

Os Piores Quadrinhos Que Li em 2018

Muito mais que a lista, ou as listas, dos melhores quadrinhos que tivemos no ano que passou, a lista mais aguardada e mais acessada é sempre a dos piores quadrinhos lidos no ano anterior. Bem, meus amigos mergulhadores, essa espera acabou. Está na hora de revelar as piores experiências de leitura que eu tive em 2018 e vocês entenderão a razão delas terem sido tão horríveis nas minirresenhas que as acompanham. Por isso, pegue o saquinho de vômito que está localizado na poltrona na frente de você e nos acompanhe por um tour no nosso Túnel do Terror de 2018!

Os Melhores Quadrinhos da Vertigo Que Li em 2018

Vozes veladas vertiginosas vozes! Caros mergulhadores, chegou a vez das melhores leituras do selo Vertigo da DC Comics feitas em 2018. O ano que passou não foi muito generoso com a Vertigo aqui no Brasil, que pegou a entressafra de títulos entre a última encarnação do selo e a nova, agora com o nome DC/Vertigo. Também tivemos várias séries de curta duração que deveria ter durado mais e outras, infelizmente, que deveriam ter durado menos. Mas não chore, caro mergulhador vertiguento, dias melhores virão, já que a DC Comics está fortalecendo seu selo com muita séries interessantes.

[NSFW] Os Aviltantes Pênis dos Super-Heróis [+18]

No dia de hoje, os fãs do homem-morcego puderam ficar mais felizes (ou não). Acabaram conhecendo uma informação que ninguém na indústria dos quadrinhos canônicos (embora muitas publicações de fãs já mostraram) sabia até então. O pênis do Batman, ou ainda, de Bruce Wayne, foi mostrado em uma história em quadrinhos oficial do personagem na DC Comics. Agora, seus mais ardorosos fãs vão poder dialogar sobre o formato, o tamanho e a circuncisão do órgão excretor e sexual do defensor de Gotham City. Afinal, é isso que fãs ardorosos fazem. Mas já que o dito-cujo foi revelado, nós iremos mais fundo (ui!) nessa discussão, pois essa é a função desse blog e discutir a aparição de pênis nas histórias dos super-heróis. Acompanhe quem tiver bagos e for maior de 18 anos!

O Incrível Caso dos Desenhistas Clones

Existem desenhistas que, de enxergar de longe, você já sabe de quem é a autoria do desenho. Outros, nem enxergando bem de pertinho. Porém, existe um caso ainda mais incrível que essa discrepância. O caso dos desenhistas clones. Aquelas obras de desenhistas que são tão parecidas que, às vezes fica difícil dizer de quem é qual. Fizemos uma lista com trinta desenhistas e quinze pares de clones. Não colocamos desenhistas brasileiros para não rolar aquele processinho esperto. Mas basta dizer que nos anos 90, o mercado queria era muito mais Jim Lees e muitos mais Rob Liefelds, Marc Silvestris e coisas assim. Isso acabou criando uma escola, não só no Brasil. Mas deixa o Brasil, que aqui só se pode falar bem dos nossos autores, não é mesmo? Vamos é mexer com os gringos. Preparados? Apontar… Fogo!

(Poucos) Destaques do Checklist da Mythos Editora Para Julho de 2018

Hey, hey, amigos mergulhadores! Chegou o momento de trazer para vocês os destaques da Editora Mythos para esse mês de julho. Não são muitas novidades, mas tem coisa bem legal esse mês. Além disso, vale dizer que o encadernado do Capitão Stone, do artista de Mulher-Maravilha, Liam Sharpe, foi reprogramado para esse mês. Bem, recado dado, vamos aos destaques de julho!

O Aranha de Garth Ennis. Homem-Aranha: Uma Teia Embaraçada, de Garth Ennis, John McCrea, Paul Pope, Brian Azzarello e Outros

Garth Ennis é um escritor de quadrinhos que todo mundo sabe, é avesso aos super-heróis. Ele realmente não gosta deles. Entretanto, de vez em quando ele acaba escrevendo esses personagens. É o caso de Justiceiro, Thor, Nick Fury e, aqui neste post, do Homem-Aranha. Por mais que os resultados saiam de maneira heterodoxa, não é possível dizer que o trabalho de Ennis nos super-heróis seja algo ruim, pelo contrário. Nesse post foi falar um pouco então, sobre o trabalho de Ennis no Aranha, como também falar um pouco sobre a série Tangled Web, que possibilitou essas histórias.

Poucos Destaques do Checklist DC Comics / Panini Comics Para Março de 2018

Ê Lelê, Panini! Até os hotsites que eram nossa âncora nesse mundo de caos começaram a dar piripaque – e assim os leitores tem ainda mais piripaques também. Por isso, é dia 20 do mês, as revistas já saíram até nas bancas aqui do fim do mundo e o checklist da DC, que costuma sair todo começo de mês, saiu só agora. Palmas para a Panini, perdendo um leitor a cada 5 minutos. Mas chega de ranzinzagem na abertura e vamos para o texto em si.

MUITOS Mini-Reviews de Quadrinhos Para Janeiro de 2018

Hey, hey, hey, mergulhadores! Como estão as férias? (para quem tem o luxo de ter férias, claro!) Aqui do meu lado, tomei um fartão de mestrado e resolvi ler bem mais quadrinhos do que livros, então esse mês vocês vão acompanhar, como dizem, “uma caralhada” de mini-reviews aqui no blog. Afinal, eu também mereço curtir férias e, como não vou viajar pra praia como todo mundo, nada melhor do que ficar num oásis de ar condicionado e ler coisinhas boas (ou nem tão boas). TEMOS 20 REVIEWS ESSE MÊS! Bem, dizendo isso, me despeço e deixo vocês com as resenhinhas. Espero que sirvam para alguma coisa pra vocês!

Destaques do Checklist DC Comics / Panini Comics Para Julho de 2017

O mês de julho tem alguns bons destaques chegando por aí. Um deles é a presença de dois especiais da Mulher-Maravilha. Mas, sem mais delongas vamos aos destaques: ENCADERNADOS CAPA CARTÃO Teremos o quarto – e talvez o último – encadernado da fase George Pérez na Mulher-Maravilha, encerrando o primeiro Omnibus. O que se sabe é que foi lançado um segundo Omnibus que vai até o número 60 nos Estados Unidos. Sonhar não custa nada, não é mesmo? Também teremos o encadernado do Flash da fase Renascimento DC. Eu li essas histórias e não gostei muito. Nem dos desenhos e nem do roteiro. Vá por sua conta e risco. DESTAQUES DAS MENSAIS A Agenda Secreta da Arlequina chega chegando com o título bimestral da palhacinha do crime encontrando diversos personagens do Universo DC. Na estreia, Mulher-Maravilha, Zatanna e Lanterna Verde. Ela enfrenta ninguém mais, ninguém menos que Darkseid. A equipe é a mesma do título mensal. Já os Jovens Titãs chegam com uma nova revista mensal, dessa vez sob a liderança do Robin Damian Wayne. …

Atirando-se do Alto da Ponte. Suicidas, de Lee Bermejo e Matt Hollingsworth

Dizem que a nova Vertigo, sem a grande editora e fundadora Karen Berger, não é mais a mesma. Títulos fracos, sem apelo e que deveriam muito em conteúdo para a nascente preponderância da Image Comics em títulos de propriedade do autor. Suicidas faz parte dessa leva. Será que ele confirma essa teoria? Vamos ver a seguir.

A Narrativa das Cores nas Histórias em Quadrinhos

Muita gente considera o trabalho de cores algo de segundo escalão em uma revista em quadrinhos. Muitas editoras também, muitas vezes deixando os coloristas de fora dos créditos principais de uma revista, ou da capa de algumas edições. A verdade é que as cores são tão importantes num quadrinho quanto um texto ou um desenho, pois elas acrescentam uma dimensão maior a toda atmosfera que estamos experimentado em um quadrinho.

Saudades: Vertigo (Opera Graphica)

As histórias presentes nesta segunda encarnação de uma revista com o título Vertigo são, em grande parte, editadas pelo atual chefão da Marvel, o editor-chefe Axel Alonso. Aqui ele reuniu um time de alto escalão dos quadrinhos para trazer histórias curtas e contundentes que deixam o leitor abismado nos temas crime, horror, guerra e western.

Eu Matei Bruce Wayne

Uma das mais recentes sagas do Batman, de Tom King, traz a revelação de que o Batman gosta de arriscar sua vida porque tem tendências suicidas. Isso poderia explicar o comportamento arredio, sombrio e pouco amigável do Homem-Morcego. Mas as implicações e nuances psicológicas dessa afirmação poderiam ir muito mais longe, mostrando que o Batman matou um lado importante da sua psique: Bruce Wayne. E é sobre isso que vou discorrer agora.

As Mulheres Criadoras Mais Poderosas dos Comics

A indústria de quadrinhos é machista? Você pode dizer que sim, você pode dizer que não. Mas os números, maninho, ah, esses não mentem. Vamos comentar aqui uma lista de quadrinistas mais prolíficas e poderosa da indústria dos comics norte-americanos e vamos tentar ver aonde chegamos com esses nomes e números. 1, 2, 3, lá vou eu! Quem não seu escondeu é meu!