Todos os posts com a tag: hércules

A Mitologia da Mulher-Maravilha: Deuses e Armas

Além de ser um símbolo das mulheres e do feminismo, a Mulher-Maravilha também é uma das criações do universo dos super-heróis que mais possui raízes com a mitologia dita clássica, a greco-romana. Por isso, resolvemos mostrar para vocês algumas dessas ligações e comentar en passant um pouquinhos sobre as decisões tomadas pelo filme nestas instâncias. Então aperte os cintos e embarque na jornada até o Monte Olimpo!

Anúncios

O Ultraverso da Malibu Comics no Brasil

Talvez você já tenha ouvido falar do Ultraverso, talvez não, mas foi uma das marcas dos Anos 90 nos Estados Unidos, com a editora Malibu Comics, uma das grandes potências da cor digital daquela época. E isso respingou aqui no Brasil quando a Mythos Editora trouxe seus crossovers com a Marvel para nossas bancas. Mas, caro leitor, existe muito mais entre a Malibu e a Marvel que julga vossa vã filosofia. E você saberá a seguir.

Vingadores: Sob Ataque, de Roger Stern, John Buscema e Tom Palmer

Uma das melhores sagas dos Vingadores, que reforçou comportamentos dos integrantes da equipe e plantou sementes de histórias vindouras. Na história, uma nova e maior formação dos Mestres do Terror, liderada pelo Barão Zemo ataca a Mansão dos Vingadores e causa um forte abalo na equipe. É o que você vai ver/ler a seguir.

[REVIEW] Os Spin-Offs de Civil War II

[CONTÉM SPOILERS] Spin-Offs são séries contíguas a outras e originadas de outras, por exemplo Fear The Walking Dead é um spin-off de The Walking Dead, ou Once Upon a Time in Wonderland é um sipi-off de Once Upon a Time. Assim, na Marvel saíram algumas séries originadas da segunda Guerra Civil e que possuem relações com ela. Venha comigo e você vai saber quais são e do se trata.

O Fator Fan Service Nos Personagens Masculinos de Super-Heróis

Você sabe o que é fan service? É quando o autor de um quadrinho coloca um personagem em uma situação em que as partes do seu corpo ficam mais à mostra, prestando um “serviço” aos fãs. Hoje vamos falar sobre como isso começou a afetar os personagens masculinos dos quadrinhos de super-heróis.

A Ilha Paraíso em Que As Mulheres Não Entram

Os fãs de quadrinhos sabem da existência de Themyscira, a Ilha Paraíso, lar da Mulher-Maravilha, uma ilha sagrada dos gregos em que os homens são proibidos de entrar. Mas eis que eu me deparo com essa notícia que diz que existe no Japão uma ilha sagrada, ao sul do arquipélago em que MULHERES não podem entrar. Qual o significado dessa ilha para o nosso mundo e o que ela tem a ver com Themyscira?

A Última História dos Vingadores – The Last Avengers Story, de Peter David e Ariel Olivetti

The Last Avengers Story é um dos títulos deste selo de vida curtíssima (dois anos apenas). A minissérie, em duas edições, vinha em formato de luxo, com lombada quadrada, papel couchê de gramatura alta, capa com acetato no estilo Marvels e a arte pintada de Ariel Olivetti, a quem você deve conhecer da última série do Cable e de O Diário de Guerra do Justiceiro que saia na Marvel Action.

Planeta Hulk, de Greg Pak, Carlo Pagulayan e Aaron Lopresti (2013, Panini Books, 430 págs. R$ 99,00)

O Épico do Golias Esmeralda: Planeta Hulk, de Greg Pak, Carlo Pagulayan e Aaron Lopresti

Durante a Guerra Civil os roteiristas e editores da Marvel precisavam enviar o Incrível Hulk para algum lugar. Ora, a presença do Hulk na Guerra Civil iria auxiliar um dos lados a vencer. Por isso, a solução que os editores encontraram foi exilar o Hulk no espaço. Essa artimanha já havia sido usada outras vezes com o Hulk, como na Saga da Encruzilhada e no mundo da princesa Jarella, ambas por Bill Mantlo, um dos grandes escritores do Hulk. O mote em Planeta Hulk é que depois das devastações que ele causou no planeta Terra, a equipe secreta dos Illuminati, formada pelo Senhor Fantástico, Doutor Estranho, Homem de Ferro e Namor, capturou o Hulk e o enviou em uma nave para o espaço. Lá, depois de passar por um portal, ele acaba caindo no Planeta errado, o planeta Sakaar, assolado por um outro tipo de Guerra Civil. A história é escrita por Grag Pak e confesso que fiz cara feia para a série por muito tempo por causa disso. Antes de Planeta Hulk, Pak, ao …

Super-herói tem é que ser é bem macha!

Os gays ainda são vistos com grande preconceito pelos leitores de quadrinhos de super-heróis e, ainda por cima, pela mídia especializada, principalmente no Brasil. Apesar dos esforços da indústria de entretenimento, que vê no segmento gay uma mina de ouro, por causa do Pink Money, essa estigmatização parece estar longe de acabar. Este é mais um texto influenciado pela leitura de Flex Mentallo, que apesar de eu ter dito aqui que tem subtexto erótico, nessa última leitura percebi que não é bem sub esse texto. Ele está lá pra quem quiser ver. Mas não vou me fixar no Flex, não. Mas nas reações dos fãs e, principalmente dos brasileiros e da mídia especializada quando se trata da homoerotização dos super-heróis. Todos nós sabemos que essa indústria de entretenimento é famosa por suas heroínas voluptuosas, de seios e coxas grandes, de decotes e collants apertados. Apesar das críticas “feministas”, muitos fãs adoram isso. Não há nada de errado em glorificar um corpo saudável. Ora, então, porque não adorar que super-heróis homens usem collants agarrados na pele …