Melhores e Piores Leituras de Janeiro de 2019

Janeiro está indo embora. Mas o calor, ah amigos mergulhadores, esse parece que chegou para ficar… Quem pode, foge para os ares condicionados ou para a festa na piscina do Tony Stark. E quem não pode, bem, continua como sempre ficou: sofrendo. E esse nosso amigo Donald Trump e seu séquito terraplanista que acha que efeito estufa não existe, né? Para quem pode ficar no ar condicionado com limusine, não existe mesmo. Bem, meus amores, agora está na hora das nossa melhores e piores leituras do mês de janeiro, depois da batelada de melhores e piores leituras de 2018. São 30 minirresenhas dos mais diversos tipos de quadrinhos, então acompanha aí, vai! Continuar lendo Melhores e Piores Leituras de Janeiro de 2019

Anúncios

Os Piores Quadrinhos Que Li em 2018

Muito mais que a lista, ou as listas, dos melhores quadrinhos que tivemos no ano que passou, a lista mais aguardada e mais acessada é sempre a dos piores quadrinhos lidos no ano anterior. Bem, meus amigos mergulhadores, essa espera acabou. Está na hora de revelar as piores experiências de leitura que eu tive em 2018 e vocês entenderão a razão delas terem sido tão horríveis nas minirresenhas que as acompanham. Por isso, pegue o saquinho de vômito que está localizado na poltrona na frente de você e nos acompanhe por um tour no nosso Túnel do Terror de 2018! Continuar lendo “Os Piores Quadrinhos Que Li em 2018”

Melhores e Piores Leituras de Dezembro de 2018

Dezembro e 2018 estão quase acabando e a Madame Xanadu está prevendo que você vai tomar no… bar muitas cervejas para poder aguentar a coisa e o coiso que vêm por aí no ano que vem. Se 2018 sem as surpresinhas que nos aguardam em 2019 já foi terrível de aturar, imaginem 2019 com esse governo que vocês escolheram, hein? Uhlalá! Mas vamos falar de coisa boa? MERCHAN! Só que não! Vamos falar das melhores leituras de quadrinhos do mês de dezembro (e três leituras ruins). Fiquem ligados que “no ano que vem” vou publicar as listas, sim AS LISTAS, de melhores do ano de 2018, por categoria de revistas, afinal, foram quase 300 quadrinho e quetais lidos no ano todo. Então espere o confie. Por enquanto fiquem com os melhores e piores de dezembro! Continuar lendo “Melhores e Piores Leituras de Dezembro de 2018”

Melhores e Piores Leituras de Novembro de 2018

Ufa, amigos mergulhadores! Neste mês de novembro eu queria ser Jamie Madrox, o Homem-Múltiplo para dar conta de tantas tarefas. Mas, sim, eu consegui trazer para vocês muitas resenhas de quadrinhos de todos os tipos e também de livros sobre quadrinhos. também estou nos preparativos da Comic Con Experience (CCXP), onde vou lançar dois quadrinhos. Vocês podem me encontrar na mesa B14 do Artists Alley, vamos bater um papo e vocês podem conhecer meu trabalho também como roteirista. E agora, depois do break, vocês podem conferir quase 40 resenhas legais de quadrinhos, bons e ruins! Continuar lendo “Melhores e Piores Leituras de Novembro de 2018”

O Que Esperar da Nova Saga dos X-Men, “A Era do X-Man”?

Nesta semana, a Marvel revelou seus planos futuros para os X-Men. Se trata do evento que virá logo em seguida a X-Men Disassembled, na recém remunerada revista Uncanny X-Men. Este evento é A Era do X-Man e, como A Era do Apocalipse, irá envolver várias minisséries de cinco edições em novos títulos mutantes e, claro, também envolverá uma mudança na realidade que conhecemos. Esta semana também saiu lá fora o primeiro número de Uncanny X-Men e, dele e das notícias já divulgadas pela Marvel, podemos imaginar algumas decisões que a Marvel tomou para os mutantes neste evento. Venha, venha especular com a gente sobre o destino dos mutantes mais queridos do mundo! Continuar lendo “O Que Esperar da Nova Saga dos X-Men, “A Era do X-Man”?”

Melhores e Piores Leituras de Outubro de 2018

Olá mergulhadores! Vocês se lembram daquele videogame e daquele quadrinho em que o Superman usa seus poderes para estabelecer uma ditadura tirânica sobre o planeta Terra e o Batman e aliados tentam derrubar o déspota? Pois é, se lembrem dessa história. Querem saber o motivo? Hum… É que tem o review do volume final de Injustiça: Deuses Entre Nós esse mês (e o começo de outra leva de Injustiça… cof… cof…). Este mês temos 32 mini reviews para todos os gostos. De tirinhas a livros teóricos, de super-heróis a autobiografias em quadrinhos. Trinta e dois ao todo, quatro mais ou menos e cinco ruins, o resto tudo bão. Aproveite enquanto ainda podem ler minhas resenhas. Tomorrow never knows.

Continuar lendo “Melhores e Piores Leituras de Outubro de 2018”

Guia de Leitura dos Encadernados dos X-Men

A Panini Comics tem lançado mais encadernados dos X-Men, a exemplo da saga Inferno. Mas alguém se importou em fazer um Guia de Leitura para você, como é feito com a série Hellblazer do selo Vertigo. Não, claro que não. A Panini Comics historicamente maltrata os X-Men. Muitos amigos têm me pedido um guia para saber como ler esses encadernados na ordem. Bem, então atendendo a esses pedidos, preparei aqui esta enorme lista de encadernados. Afivelem seu cinto no Pássaro Negro e se preparem para a decolagem! Continuar lendo “Guia de Leitura dos Encadernados dos X-Men”

A Decadência da Vertigo Após a Saída de Karen Berger

Caros leitores do blog, caso alguns de vocês têm acompanhado as novas séries da Vertigo que foram lançadas no Brasil, devem ter reparado que muitas delas seguiram para um final abrupto. Foi o caso de Coffin Hill, Art Ops, Hinterkind, Sala Imaculada, entre alguns dos títulos. A maioria das séries parecia promissora em suas propostas e, pareciam que iriam durar muito mais que apenas dois ou três encadernados, principalmente ao se observar o enredo das mesmas. Mas algo deu errado no processo. O selo adulto da DC Comics tem sofrido uma espiral de revezes desde que Karen Berger deixou de cuidar da linha editorial. Vamos fazer uma volta no tempo e uma análise para tentar entender essas mudanças. Continuar lendo “A Decadência da Vertigo Após a Saída de Karen Berger”

O Incrível Caso dos Desenhistas Clones

Existem desenhistas que, de enxergar de longe, você já sabe de quem é a autoria do desenho. Outros, nem enxergando bem de pertinho. Porém, existe um caso ainda mais incrível que essa discrepância. O caso dos desenhistas clones. Aquelas obras de desenhistas que são tão parecidas que, às vezes fica difícil dizer de quem é qual. Fizemos uma lista com trinta desenhistas e quinze pares de clones. Não colocamos desenhistas brasileiros para não rolar aquele processinho esperto. Mas basta dizer que nos anos 90, o mercado queria era muito mais Jim Lees e muitos mais Rob Liefelds, Marc Silvestris e coisas assim. Isso acabou criando uma escola, não só no Brasil. Mas deixa o Brasil, que aqui só se pode falar bem dos nossos autores, não é mesmo? Vamos é mexer com os gringos. Preparados? Apontar… Fogo! Continuar lendo “O Incrível Caso dos Desenhistas Clones”

X-Men Disassembled: O Novo Grande Evento dos Mutantes

Hoje, meio na surdina, a Marvel Comics anunciou o novo evento dos X-Men, que se chamará X-Men Disassembled. O evento vai acontecer durante a nova fase da revista Uncanny X-Men, que volta com tudo e nova numeração no final do ano. Serão dez edições, saindo uma por semana, da mesma forma que aconteceu com o último grande evento dos Vingadores, Avengers: No Surrender, em que uma grande reunião dos heróis mais poderosos da terra, acabou minando e reduzindo suas forças e números. Mas será que existe algum jogo editorial por trás desse crossover? E o que Wolverine tem a ver com isso? Entre outras coisas, é o que discutiremos neste post! Continuar lendo “X-Men Disassembled: O Novo Grande Evento dos Mutantes”

Destaques do Checklist da Mythos Editora Para Junho de 2018

Olá mergulhadores! O frio chegou para valer não é mesmo? A melhor coisa é ficar debaixo das cobertas lendo um gibizinho bem divertido e cheio de histórias interessantes que nos levam para outro mundo. Assim como alguns dos gibis do catálogo que a Mythos Editora tem colocado nas livrarias. Esse mês tem destaques no checklist para todos os gostos. Desde o veterano John Byrne, passando por Mike Mignola e seu Hellboy e também não poderia faltar aquele destaque dos Fumetti. Bem, vamos a eles. Continuar lendo “Destaques do Checklist da Mythos Editora Para Junho de 2018”

Conheça a HQ em que o Estrela Polar se Assumiu Gay

Sempre ouvimos aqui no Brasil de que Jean-Paul Beaubier, o Estrela Polar, integrante da equipe canadense Tropa Alfa, foi o primeiro herói da Marvel a se assumir como gay. O fato é que os brasileiros nunca puderam ler essa história, pois a Tropa Alfa, havia anos, não era mais publicada no Brasil quando essa história saiu. Por isso, resolvi dar uma lida nessa edição e ver como essa revelação é feita, já que ela envolve muita polêmica nos bastidores da Marvel e também falava sobre AIDS e heróis da Era de Ouro. Então, sem demora, vamos à história! Continuar lendo “Conheça a HQ em que o Estrela Polar se Assumiu Gay”

[Retrospectiva HQ] As 15 Notícias Mais Impactantes dos Quadrinhos em 2017

Sim! Esse é um blog de análises e opinião e não um site de notícias. Mas que elas têm impacto na forma como encaramos essa “indústria vital”, ah elas tem. Por isso decidimos ranquear as notícias de maior impacto nos corações e mentes dos leitores de quadrinhos neste ano de 2017. Selecionamos algumas notícias, 15 para ser exato. Claro, é uma lista e, como todas elas, são subjetivas. Certo que muita coisa ficará de fora. Veja se a sua notícia preferida entrou na nossa seleção: Continuar lendo “[Retrospectiva HQ] As 15 Notícias Mais Impactantes dos Quadrinhos em 2017”

Gambit Poderia Ter Sido Bissexual. Que Tal?

Hoje fomos relembrados no site CBR sobre a última série-solo de Gambit nos quadrinhos. Uma revista desenhada por um dos principais artistas das beldades masculinas, que é Clay Mann. A revista era escrita por James Asmus na época e é inédita no Brasil. Um dos pitchings da série seria explorar a sexualidade de Gambit, mostrando que ele poderia ser bissexual. Entretanto a Marvel negou esse desenrolar. Vamos saber um pouco mais sobre Gambit, sobre bissexualidade e esse caso em particular. Basta ler o post! Continuar lendo “Gambit Poderia Ter Sido Bissexual. Que Tal?”

Melhores e Piores Leituras de Outubro de 2017

Este mês, depois de algumas atribulações, resolvi mudar o sistema do blog, começando pelas minirresenhas. Agora elas estão sendo publicadas primeiramente na fanpage do blog no Facebook e depois, no final do mês, faço esse compilado gostoso aqui neste post das melhores e piores leituras do mês. O que isso muda? É que vou resenhar todos os quadrinhos de “envergadura” que eu ler, por isso, além das categorias melhores e piores, teremos outras categorias, que vou inventar a cada mês. Esse mês teremos a categoria Bruno & Marromenos. Ficou curioso? Então clica aí e veja as avaliações: Continuar lendo “Melhores e Piores Leituras de Outubro de 2017”

A Super-Nobreza. A Realeza: Mestres da Guerra, de Rob Williams, Simon Coleby, Gary Erskine e J. D. Mettler

A Realeza é um quadrinho da Vertigo que reconta a história da Segunda Guerra Mundial, mas reimaginando-a sobre o que aconteceria se a nobreza mundial possuísse poderes super humanos e a acabasse se envolvendo na Guerra. Claro, esse envolvimento poderia mudar todo o rumo de um dos mais destruidores combates que a humanidade já presenciou É sobre a Realeza que vamos falar agora, sigam-me os aliados! Continuar lendo “A Super-Nobreza. A Realeza: Mestres da Guerra, de Rob Williams, Simon Coleby, Gary Erskine e J. D. Mettler”

Destaques do Checklist DC Comics / Panini Comics Para Junho de 2017

Então começou o Rebirth! E esse mês vai ser dedicado para algumas séries que estavam em hiato e outras que não entraram nas mensais estrelarem especiais encadernados. Também temos estreias nas mensais! Muitas novidades na DC/Panini! Sigam-me os bons! Continuar lendo “Destaques do Checklist DC Comics / Panini Comics Para Junho de 2017”

Love Is Love: Uma Coletânea de Quadrinhos em Honra às Vítimas do Massacre de Orlando

Era 12 de junho de 2016, eu estava com meus amigos gays comemorando o aniversário do cara que viria a ser meu namorado um pouco tempo depois em uma casa noturna alternativa. Cheguei em casa por umas sete da manhã e nos noticiários estava dando que um franco-atirador havia invadido uma boate gay de Orlando, nos Estados Unidos, matando 49 pessoas. O crime, como se provou depois, foi definido como crime de ódio. Uma vez que o atirador era homofóbico, mas, como na maior parte dos casos de homofobia, sentia atração por homens. Continuar lendo “Love Is Love: Uma Coletânea de Quadrinhos em Honra às Vítimas do Massacre de Orlando”