Todos os posts com a tag: motoqueiro fantasma

Robbie Reyes, o Motoqueiro Fantasma da Nova Geração

Ele é latino, ele é motoqueiro, mas pilota é um carro, ele estreou há quatro anos e já tem sua versão live-action no seriado Agentes da SHIELD, ele é Robbie Reyes, o Totalmente Novo Motoqueiro Fantasma. E você vai conhecer mais sobre esse carinha neste post!

Anúncios

10 Roteiristas e Desenhistas Negros dos Quadrinhos

Quadrinhos podem ser paradoxais para criadores negros. Afinal, quando você lê um quadrinho, não sabe que cara tem a pessoa que fez ele. E isso pode ser bom ou ruim. Se por um lado atenua os preconceitos, por outro, invisibiliza o trabalho de uma etnia. Entretanto separei aqui uma lista com dez criadores negros de quadrinhos e mais duas autoras bônus. Sigam-me os bons!

Os Melhores Quadrinhos da Marvel Que Li em 2016

Infelizmente vimos esse ano como a Marvel vem perdendo a força e a inovação. Dos quadrinhos selecionados aqui, boa parte deles são republicações. Ou isso significa que a Marvel está vindo com coisas ruins, ou que o que sai em encadernados (a base e o protetor destas listas) não vale tanto a pena sair dessa forma. Jogo essa reflexão para vocês. O que acham? E aqui vai minha lista:

Heróis da Era de Ouro Reaproveitados Pela Marvel

Você sabe que muitos heróis da Era de Ouro, como o Flash e o Lanterna Verde, foram reaproveitados pela DC Comics na Era de Prata. Entretanto, alguns heróis mais obscuros da Era de Ouro nos dias de hoje, também foram reaproveitados pela Marvel. E não necessariamente vindos da Timely ou da Atlas, nomes anteriores da Casa da Ideias. Aqui, fizemos uma listinha desses heróis.

QUE TAL… Super-Heróis Escritos Por Quentin Tarantino?

Nos cinemas temos a estreia do novo filme de Tarantino, os Oito Odiados, com o diretor fazendo mais uma homenagem a um gênero e realizando um mash-up entre eles. Tarantino também ajudou na adaptação da minissérie de Django para as HQs, numa minissérie em oito edições pela DC Comics. Mas e se ele escrevesse super-heróis? Quem ele arrasaria escrevendo? Escolhemos aqui cinco candidatos baseados em seus filmes.   ESQUADRÂO SUICIDA (CÃES DE ALUGUEL): É, amigos, o Esquadrão está com tudo no ritmo de umas musiquinhas bem pop como Seven Nation Army e Bohemian Rapsody, mas foi o pioneiro de colocar essas musiquinhas pop incidentais – bem, talvez músicas protopop – nos filmes? O Tio Taranta. Ele fez isso com uma trilha extraordinária em Cães de Aluguel, meu filme preferido dele. Mr. Blue, Mr. Brown, Mr. Pink, é podia ser uma história da Tropa dos Lanternas Verdes, mas eles são fora-da-lei num tipo de delação premiada da Lava-Jato, onde o prêmio não é nada mais que ficar vivo. Já imaginou um quadrinho do Esquadrão Suicida que …

Os Thunderbolts Estão de Volta. Mas, Quem São Eles?

Este mês a Marvel anunciou o retorno dos Thunderbolts, dessa vez liderados pelo Soldado Invernal, como consequências do evento Avengers: Standoff. A saga acontecerá no primeiro semestre de 2016 e envolverá as principais revistas dos Vingadores. A história envolve um segredo perturbador em uma cidadezinha do interior dos EUA. Então vamos desvendar o mistério dos Thunderbolts!

"Oi, Seu Civita, vamos jogar Monopoly?" "Ah, não você já ganhou e colocou todo o mercado de quadrinhos na prisão da distribuição!"

A Nova Revista da Marvel/Panini e os Fantasmas do Monopólio

Essa semana saiu a notícia confirmando o que as “solicitações” de pré-venda da Panini Comics já sugeriam: uma nova revista de 148 páginas vai ser lançada substituindo as revistas Homem de Ferro & Thor e Capitão América & Gavião Arqueiro. A revista se chamará Vingadores: Os Maiores Heróis da Terra e aparentemente no seu mix conterá Captain America, Hulk, Savage Hulk, Iron Man, Thor: God of Thunder, Loki: Agent of Asgard e Secret Avengers. As revistas Young Avengers e Hawkeye aparentemente serão concluídas nas publicações atuais. O atual momento econômico, o mix desta nova revista e a monopolização do mercado está trazendo o fantasma derrotista e pessimista de Natais passados mais pobres.

Breve História do Grotesco nos Quadrinhos Americanos

Antes de entrarmos na área dos quadrinhos, seria interessante traçarmos uma definição de Grotesco. Segundo Thiane Nunes em seu livro Configurações do Grotesco, “O Grotesco marca a modernidade, principalmente pela dissonância que revela entre o homem e o mundo. É uma marca de mal-estar. Quando o que se é familiar se torna estranho ou sinistro, as proporções naturais se dissolvem, dando lugar ao sonho, à imaginação ou à realidade que transcende a normalidade”. Assim exposto como o Grotesco marcando a modernidade, é seguro afirmar que quando mais avançamos no tempo, mais representações do grotesco teremos em nossa sociedade. Não por acaso, aconteceu a mesma coisa com os comics, uma forma de arte e expressão recente, que, como todas as artes, teve sua dose de crítica e castração, mas acima de tudo sempre foi considerada uma arte menor, devido aos preconceitos de público, formato e difusão enquanto cultura massificada. Por isso, expor o grotesco nos quadrinhos sempre foi uma contradição devido a esses preconceitos, porém, segundo o esteta francês Jean Onimus: “o grotesco é um estado …

As Eras dos Quadrinhos – Parte 6

A Era de Bronze – Morte, o grande momento da vida O exemplo utilizado por Blumberg como a crise que estabelece novos paradigmas é a morte de Gwen Stacy, namorada do Homem-Aranha, publicada originalmente em Amazing Spder-Man #141 (Junho de 1973). A história, aqui, serve como o divisor de águas, a crise mencionada por Kuhn. A história inovava ao condenar uma personagem querida dos leitores a uma fatalidade, coisa até então impensada para o gênero. Os editores discutiram se o melhor para Peter Parker e Gwen Stacy era o casamento ou a morte. Decidiram pela morte. Este acontecimento redefiniu estatutos, os mesmos de que Eco falava anteriormente, de que o herói não deve se consumir. O fim de Gwen abriu espaço para mortes mais grandiosas como da Fênix e de Elektra. Era isso que o zeitgeist pedia. No início da década de 70, muitos jovens americanos tinham de encarar a morte de frente, sendo levados a combater no Vietnã por uma derrota anunciada. O escândalo Watergate desfez a imagem icônica que os ianques tinham de …