Por Que o Filme da Liga Extraordinária deu tão Errado?

A grande maioria das pessoas que leu os quadrinhos de A Liga Extraordinária (The League of Extraordinary Gentlemen), de Alan Moore e Kevin O’Neill, acabaou achando genial a reinvenção de tantos personagens da literatura universal especulativa. Mas por que quando o filme A Liga Extraordinária, dirigido por pelo diretor Stephen Norrington, com roteiro de James Robinson chegou aos cinemas em 2003, deixou tanto os fãs dos quadrinhos como o próprio Alan Moore decepcionado, a ponto de amaldiçoar os filmes de super-heróis para sempre? Vamos tentar explicar nosso pensamento aqui neste post. Continuar lendo “Por Que o Filme da Liga Extraordinária deu tão Errado?”

Anúncios

Discutindo a Segunda Edição de Relógio do Juízo Final

Julho foi o mês em que recebemos a segunda edição de O Relógio do Juízo Final, a minissérie que homenageia a seminal obra de Alan Moore e Dave Gibbons, Watchmen. A proposta é fazer uma intersecção do mundo de Watchmen com o mundo atual da DC Comics, onde vivem Batman, Superman, Mulher-Maravilha e seus aliados e inimigos. Nesta edição Rorschach, Ozymandias e seus aliados viajam na nave do Coruja até a realidade do Universo DC e se encontram com os homens mais inteligentes deste mundo: Lex Luthor e Bruce Wayne. Mas algumas coisas vão complicar no processo. Vamos falar um pouquinho sobre esta segunda edição neste post. Continuar lendo “Discutindo a Segunda Edição de Relógio do Juízo Final”

A Continuação de Watchmen. O Relógio do Juízo Final, de Geoff Johns e Gary Frank

Depois da famigerada iniciativa da DC Comics que trouxe às prateleiras Antes de Watchmen em diversas minisséries por várias equipes criativas, a Editora das Lendas resolveu lançar a continuação de Watchmen. Mas não foi apenas nesse quesito que a DC Comics resolveu mexer no cânone de Alan Moore e Dave Gibbons. Eles também resolveram incluir o Superman e demais heróis da editora nesta trama, que promete (como todas megassagas) sacudir as estruturas da continuidade daquele universo. Neste mês de junho chegou às bancas brasileiras a primeira edição da minissérie pela Panini Comics. Depois de lida essa edição, vou traçar algumas opiniões sobre ela e como podemos estabelecer paralelos com a seminal obra que é Watchmen. Continuar lendo “A Continuação de Watchmen. O Relógio do Juízo Final, de Geoff Johns e Gary Frank”

30 Personagens dos Comics Baseados em Palhaços (e Que Não São o Coringa e a Arlequina)

Os palhaços sempre estiveram presentes na cultura popular, misto de humor com terror, também são estrelas de inúmeros filmes perturbadores e de horror. Alguma pessoas desenvolvem uma fobia por palhaços que se chama coulrofobia. Eles se popularizaram com as apresentações da Comédia Dell’Arte na Itália, onde personagens como o Polichinelo e o Arlequim eram os mais populares. No carnaval de Veneza, as máscaras de Pierrot e da Colombina são algumas das mais populares. E, claro, nossos queridos quadrinhos também absorveram essas criaturas na forma dos populares e vilanescos Coringa e Arlequina. Mas existem mais personagens nos quadrinhos de super-heróis baseados em palhaços e você vai ficar sabendo dessa palhaçada agora mesmo, lendo este post.

Continuar lendo “30 Personagens dos Comics Baseados em Palhaços (e Que Não São o Coringa e a Arlequina)”

Melhores e Piores Leituras de Maio de 2019

Maio foi um mês intenso. Quase não consegui parar para escrever nada no blog porque precisava entregar um quadrinho todo desenhado por mim, mas entre mortos e feridos salvaram-se todos. E o que salvou os acessos do blog foi a bunda do Lúcifer, ou melhor do Tom Ellis, que incrementou os números aqui. Isso que eu chamo de “Save As”. Este mês de maio, entretanto, teve inúmeras leituras, de europeus a mangás, de super-heróis a quadrinhos alternativos, de independentes a hipercomercializados. Então prepare seu mouse para clicar no post e acompanhar toda essa jornada de leituras e minirresenha que vêm aí! Sigam-me os bons! Continuar lendo “Melhores e Piores Leituras de Maio de 2019”

Tem Fogo? 15 Super-Heróis Que Fumam Tabaco

Hoje em dia, fumar é um hábito que muitos vêem como algo nojento e, principalmente, prejudicial à saúde. Mas houve tempos em que, aliado à publicidade das indústrias de tabaco, fumar era um ato distintivo, que diferenciava as pessoas e dava a elas distinção e elegância. A publicidade de cigarro chegava a associar os cigarros à esportes radicais. Viver perigosamente? Sim, mas não desse jeito. Isso, como tudo na cultura, se refletia nas histórias de super-heróis. Neste post trazemos um pouco da discussão sobre o ato de fumar tabaco (e não outras substâncias) pelos super-heróis e vamos ver caso a caso alguns super-heróis que costumam fumar nas revistas em quadrinhos. Continuar lendo “Tem Fogo? 15 Super-Heróis Que Fumam Tabaco”

A Autocensura nos Gibis da Marvel Pela Editora Abril

Que as revistas sofriam censura pela ditadura militar, você já deve saber, correto? Mas mesmo quando acabou o período militar no Brasil, a Editora Abril continuava a autocensurar suas revistas em quadrinhos. Isso acontecia principalmente aquelas que vinham com conteúdo mais adulto, vindo na pegada de publicações como o Monstro do Pântano de Alan Moore na DC Comics. Mas nem a Marvel permanecia incólume à necessidade de pregar a “moral e os bons costumes” nas publicações da editora paulista da família Civita. Algumas publicações foram picotadas ou imagens foram simplesmente limadas dos fotolitos para satisfazer essa necessidade de passar uma boa imagem com suas publicações. É sobre algumas delas que vamos falar agora. Continuar lendo “A Autocensura nos Gibis da Marvel Pela Editora Abril”

À Espera de Um Milagre. Senhor Milagre, de Tom King e Mitch Gerads

Senhor Milagre é um quadrinho intrincado em significado e no uso da linguagem dos quadrinhos, mostrando o quanto Tom King está de posse da mídia que ele trabalha. Não que a arte magnífica de Mitch Gerads fique atrás. Como diria o Faustão: “Um gibizão desses, bicho!”. Não é à toa que a espera por ele nas patacoadas da Panini gerou tanto frisson e revolta nos nerds. Senhor dos Milagres, como em Senhor dos Anéis, a Panini tinha um gibi para a todos governar, mas reivindicou do trono. À Espera de um Milagre ficaram os leitores, aguardando ansiosos com muita demanda para pouca entrega da Panini. Esta é só a resenha do primeiro volume, mas ela rende muita análise. Porque se tem um quadrinho que você tem que ler neste começo de ano é esse gibi! Continuar lendo “À Espera de Um Milagre. Senhor Milagre, de Tom King e Mitch Gerads”

Os 10 Melhores Quadrinhos do Millarworld

Millarworld, como o nome já diz são HQs independentes desenvolvidas por Mark Millar e seus desenhistas convidados. Neste post vamos falar das dez HQs desse selo que mais gostamos e por que. Mas atenção, vamos nos focar apenas naquelas que já saíram no Brasil, uma porque nós já as lemos e outra porque você, leitor, poderá encontrá-las à venda fisicamente por aqui nas bancas e livrarias. Então se prepare, aperte seus cintos de segurança, acionem seus air-bags, porque vem aí muita porradaria, sanguinolência e explosões ao melhor estilo Mark Millar.

Continuar lendo “Os 10 Melhores Quadrinhos do Millarworld”

Melhores e Piores Leituras de Fevereiro de 2019

Cinquenta! Cinquenta, caros mergulhadores! Temos cinquenta miniresenhas de quadrinhos e de livros sobre quadrinhos de diversos tipos neste mês de fevereiro. Com certeza um recorde! Nem um (ou nenhum) site que é mantido por diversas pessoas traz esse número de minirresenhas para vocês por mês! E esse aqui, na prática, é mantido apenas por um (com algumas colaborações bem esporádicas). Então, sente-se num lugar bem confortável que tem muito muito muito texto para ser lido a seguir e muitos quadrinhos (bons e ruins) para você chegar (ou não) a uma conclusão sobre eles! Continuar lendo “Melhores e Piores Leituras de Fevereiro de 2019”

Aquela Vez em que um Quadrinho de Alan Moore Virou um Poema Épico Gay

Ah, os anos 80! Eles eram muito parecidos com o que estamos vivendo agora, né? A ascensão de uma direita extremista no mundo todo e as minorias em risco de morte. A desinformação e a contrainformação reinando forte nas ruas e nos meios de comunicação (formais ou informais). Os quadrinhos também se tornaram mais radicais naqueles tempos sombrios. Era uma época em que distopias em que a direita extrema reinava foram escritas para os quadrinhos. Duas dessas obras se chamavam Cavaleiro das Trevas e Watchmen. Elas mudaram para sempre o cenário dos quadrinhos. Para o bem e para o mal. E ao mesmo tempo que esse cenário caótico e desesperador era admitido no coração das pessoas, um grupo de artistas resolveu falar. Entre estes artistas estava o mago de Northampton, Alan Moore. Continuar lendo “Aquela Vez em que um Quadrinho de Alan Moore Virou um Poema Épico Gay”

(MUITOS) Destaques do Checklist DC Comics/ Panini Comics Para Fevereiro de 2019 e Um Esperneio Necessário

Foi só reclamar da demora dos checklist que, pluft!, eles apareceram. Ótimo! Então aqui estamos com mais um checklist da DC Comics pela Panini Comics. Temos bastante novidades noas lançamentos, mas a novidade ruim é que os preço continuam aumentando e aumentando! Muita gente tem relatado que está ficando difícil de acompanhar as revistas de linha por causa dos reajustes radicais que a Panini vem fazendo, mês a mês, uma surpresinha para nós, leitores. E o serviço continua a mesma porcaria de sempre, ou pior, cheio de erros e sinais de preguicite editorial. Justificativa? O leitor não tem alguma sequer. E vamos aos destaques de fevereiro antes que você comece a chorar. Continuar lendo “(MUITOS) Destaques do Checklist DC Comics/ Panini Comics Para Fevereiro de 2019 e Um Esperneio Necessário”

Quando os Personagens Escapam das Intenções dos Seus Criadores

Hoje vamos falar sobre um assunto capcioso, mas que está fora do alcance dos leitores, dos produtores e das editoras de quadrinhos. É o fato de como os personagens acabam moldados no conhecimento popular, ou daquilo que se estabeleceu como memória coletiva. Muitas vezes os personagens escapam daquilo que os seus criadores intencionavam para eles, mesmo na maioria dos casos esta intenção aparecer bem clara para os leitores. Seria um problema de falta de interpretação? De interpretação errada? Ou seria de interpretar coisas a mais do que o texto e as imagens informam? Vamos discutir os casos de Rorschach, Coringa, Justiceiro, Lobo, Juiz Dredd e, claro, do Capitão Nascimento. Continuar lendo “Quando os Personagens Escapam das Intenções dos Seus Criadores”

Melhores Quadrinhos Americanos Que Li em 2018

Chegamos agora na lista de quadrinhos americanos que mais gostei de ler no ano que passou. Mas, peraí, o que são quadrinhos americanos pra ti, Guilherme? É bom eu explicar. Essa classificação de quadrinhos Americanos e/ou Estadunidenses, são quadrinhos feitos nos Estados Unidos que não são feitos nem pela Marvel e nem pela DC Comics e que também não são da linha Star Wars e nem do selo Vertigo. Eles não são Brasileiros, nem estrangeiros de outros países que não os Estados Unidos. Autores Canadenses e Ingleses que publicaram esses quadrinhos por editoras estadunidenses também são contabilizados nesta categoria. Explicado? Belezinha? Então vamos à nossa listinha de 15 HQs! Continuar lendo “Melhores Quadrinhos Americanos Que Li em 2018”

Destaques do Checklist DC Comics / Panini Comics Para Novembro de 2018

“Nessa onda de calor, eu até peguei uma cor, fiquei com o corpo todo bronzeado!”, é Maria Rita, sabemos dessas agruras que você passa, o clima pesado chegou pra valer no Brasil (de todas as formas) e nós chegamos com mais um checklist da DC Comics para vocês. São alguns encadernados novos do Renascimento DC e a continuidade de alguns especiais que já estavam nas bancas. Claro que o clima pesado também se abate nas bancas e nas nossas coleções de HQs, né? Vamos aos lançamentos! Continuar lendo “Destaques do Checklist DC Comics / Panini Comics Para Novembro de 2018”

Melhores e Piores Leituras de Outubro de 2018

Olá mergulhadores! Vocês se lembram daquele videogame e daquele quadrinho em que o Superman usa seus poderes para estabelecer uma ditadura tirânica sobre o planeta Terra e o Batman e aliados tentam derrubar o déspota? Pois é, se lembrem dessa história. Querem saber o motivo? Hum… É que tem o review do volume final de Injustiça: Deuses Entre Nós esse mês (e o começo de outra leva de Injustiça… cof… cof…). Este mês temos 32 mini reviews para todos os gostos. De tirinhas a livros teóricos, de super-heróis a autobiografias em quadrinhos. Trinta e dois ao todo, quatro mais ou menos e cinco ruins, o resto tudo bão. Aproveite enquanto ainda podem ler minhas resenhas. Tomorrow never knows.

Continuar lendo “Melhores e Piores Leituras de Outubro de 2018”

O Chama do Remorso, Alan Moore e os Filmes de Super-Heróis

Faz tempo que o grande escritor de quadrinhos, Alan Moore, vem difamando os super-heróis, bem como os filmes derivados delas. O autor de Watchmen, Monstro do Pântano, A Liga Extraordinária e tantos outros quadrinhos de sucesso, ainda se ressente do tratamento que a indústria de quadrinhos de super-heróis americana tratou os direitos autorais de suas criações, de forma que ele poderia estar ganhando muito mais royalties com seus trabalhos. Assim, ele começou a falar mal dos super-heróis que trabalhou por muito tempo, dizendo, entre outras coisas, que eles são “a catástrofe do século XX”. Em seu último trabalho em quadrinhos, Cinema Purgatório, Moore dispara novamente sua metralhadora contra os filmes de super-heróis. Ou ele estaria disparando contra si mesmo? Comentamos tudo isso, a seguir. Continuar lendo “O Chama do Remorso, Alan Moore e os Filmes de Super-Heróis”

[NSFW] Os Aviltantes Pênis dos Super-Heróis [+18]

No dia de hoje, os fãs do homem-morcego puderam ficar mais felizes (ou não). Acabaram conhecendo uma informação que ninguém na indústria dos quadrinhos canônicos (embora muitas publicações de fãs já mostraram) sabia até então. O pênis do Batman, ou ainda, de Bruce Wayne, foi mostrado em uma história em quadrinhos oficial do personagem na DC Comics. Agora, seus mais ardorosos fãs vão poder dialogar sobre o formato, o tamanho e a circuncisão do órgão excretor e sexual do defensor de Gotham City. Afinal, é isso que fãs ardorosos fazem. Mas já que o dito-cujo foi revelado, nós iremos mais fundo (ui!) nessa discussão, pois essa é a função desse blog e discutir a aparição de pênis nas histórias dos super-heróis. Acompanhe quem tiver bagos e for maior de 18 anos! Continuar lendo “[NSFW] Os Aviltantes Pênis dos Super-Heróis [+18]”