Todos os posts com a tag: vespa

As Ladys Libertadoras versus Os Vingadores: Proto-Feministas da Marvel

“Tá certo, garotas, isso acaba com esses machos porcos chauvinistas! De agora em diante é com a Valquíria e suas Ladys Libertadoras!”. Essas frases estavam na capa de Vingadores #83, de 1970, exibindo Valquíria e um bando de mulheres da Marvel derrotando uma turma de homens dos Vingadores. O movimento feminista mal tinha começado nos Estados Unidos e a Marvel já o exibia em suas capas.

Anúncios

Ocasiões em Que os Super-Heróis da Marvel Lutaram Pelados

Como você viu na semana passada, heróis e vilões de todos os tipos e tamanhos e de diversas editoras já lutaram completamente nus em histórias de super-heróis. Mas agora vai ser diferente, separamos um rol de dez heróis apenas da Marvel que já lutaram como vieram ao mundo para despudor dos leitores. O striptease começa em 3… 2… 1…

Vingadores: Sob Ataque, de Roger Stern, John Buscema e Tom Palmer

Uma das melhores sagas dos Vingadores, que reforçou comportamentos dos integrantes da equipe e plantou sementes de histórias vindouras. Na história, uma nova e maior formação dos Mestres do Terror, liderada pelo Barão Zemo ataca a Mansão dos Vingadores e causa um forte abalo na equipe. É o que você vai ver/ler a seguir.

Os Melhores Quadrinhos da Marvel Que Li em 2016

Infelizmente vimos esse ano como a Marvel vem perdendo a força e a inovação. Dos quadrinhos selecionados aqui, boa parte deles são republicações. Ou isso significa que a Marvel está vindo com coisas ruins, ou que o que sai em encadernados (a base e o protetor destas listas) não vale tanto a pena sair dessa forma. Jogo essa reflexão para vocês. O que acham? E aqui vai minha lista:

Heróis da Era de Ouro Reaproveitados Pela Marvel

Você sabe que muitos heróis da Era de Ouro, como o Flash e o Lanterna Verde, foram reaproveitados pela DC Comics na Era de Prata. Entretanto, alguns heróis mais obscuros da Era de Ouro nos dias de hoje, também foram reaproveitados pela Marvel. E não necessariamente vindos da Timely ou da Atlas, nomes anteriores da Casa da Ideias. Aqui, fizemos uma listinha desses heróis.

10 Equipes Teens da Marvel Para Reavivar Seu Espírito Jovem

Esta semana a Marvel anunciou que, como final do evento Civil War II, os membros jovens da equipe dos Vingadores vão se demitir. Assim, será formada uma nova equipe, os Campeões, resgatando um nome antigo da Casa das Ideias. Miss Marvel, Nova e Miles Morales se juntarão ao Hulk Amadeus Cho, ao jovem Ciclope e à filha do Visão para proteger o mundo. Mas não foi a primeira vez que jovens adolescentes tiveram esse papel. Começando pela equipe dos X-Men, que eram os adolescentes mais estranhos de todos! Preparamos aqui uma lista de equipes jovens que já figuraram pela Marvel. Junte-se a nós!

Os 10 Piores Crimes Contra as Mulheres nos Quadrinhos

Quando se pensa em crimes contra mulheres se pensa em estupro. Mas nem só de estupro vivem os crimes contra os personagens femininos nos quadrinhos de super-heróis. Não acredita? Há desde estupros a mortes, passando por decepamento a canibalismo. Legal né? Só que não. Então fizemos uma listinha de dez barbaridades que fizeram com personagens femininas nos quadrinhos.

A Última História dos Vingadores – The Last Avengers Story, de Peter David e Ariel Olivetti

The Last Avengers Story é um dos títulos deste selo de vida curtíssima (dois anos apenas). A minissérie, em duas edições, vinha em formato de luxo, com lombada quadrada, papel couchê de gramatura alta, capa com acetato no estilo Marvels e a arte pintada de Ariel Olivetti, a quem você deve conhecer da última série do Cable e de O Diário de Guerra do Justiceiro que saia na Marvel Action.

SplashPod – S01 E05 – SEXO! SEXO! SEXO nos Quadrinhos!

Olá mergulhadores ! Mais uma vez, mergulhamos profundamente (ui!) nos quadrinhos para discutir algo melhor que os próprios: sexo ! Nesse episódio, discutimos episódios de sexo nos quadrinhos, sejam eles eróticos, pornôs, de ação ou qualquer outro estilo ! Dudu Bandeira, Guilherme Smee, Fabiomesmo e Santiago Castro, acompanhados dos convidados especiais Annie O’Reilly, J.R. Weingartner Jr., e Mario Cesar Oliveira (http://www.masquemario.net/), comentam sexo nas hqs, em momentos marcantes ou não, bem construídos ou gratuitos, sempre com intervenções precisas do saudoso Alborghetti. (00:00:26) Abertura/Apresentação; (00:02:50) Monstro do Pântano de Moore e o pansexualismo na DC comics; (00:04:47) Outras obras sexuais de Alan Moore (e são muitas); (00:09:15) A sedução dos inocentes/Fredric Wertham; (00:15:42) Sexualidade e violência nos quadrinhos nos anos 80 e 90 – erros mais comuns; (00:19:00) Tina, Porra, Maurício e a Mulher-Hulk do Byrne; (00:25:26) Musas e cenas históricas de sexo (ou afins) nos quadrinhos: Hank Pym e Vespa/Angela e Spawn/ Superman e Big Barda/Kitty Pride e Colossus e outros; (00:40:14) Garth Ennis e suas HQs sexualmente polêmicas (sim, The Boys e Crossed); (00:51:18) …

A Cultura dos Spoilers

Spoiler você sabe o que é, ao menos se lê quadrinhos. É aquela informação bombástica, que muda toda a história. Uma revelação do que vai acontecer no futuro. É como o que as revistas de fofoca estilo Contigo e TiTiTi fazem com as novelas. Só que, no mundo dos quadrinhos, os melhores representantes de revistas de fofocas são os fóruns da internet. Antes da internet, não havia toda essa comoção ao redor dos spoilers, era preciso garimpar muito para achar o que ia acontecer na próxima edição, mesmo as revistas brasileiras tendo uma defasagem de dois anos com os EUA. Já fui um caçador de spoilers, fuçava em fóruns para ficar sabendo o que ia acontecer em cada série, e, bem, já estava me frustrando com os quadrinhos. Mesmo depois, toda hora saía uma notícia bombástica estragando minha surpresa. Como dizem, o melhor não é susto, é o suspense. O melhor não é chegada, mas o caminho trilhado. Se fosse assim, nascíamos mortos. Se fosse assim, Lost não teria feito sucesso. Minha opinião mudou quando o …

Super-herói tem é que ser é bem macha!

Os gays ainda são vistos com grande preconceito pelos leitores de quadrinhos de super-heróis e, ainda por cima, pela mídia especializada, principalmente no Brasil. Apesar dos esforços da indústria de entretenimento, que vê no segmento gay uma mina de ouro, por causa do Pink Money, essa estigmatização parece estar longe de acabar. Este é mais um texto influenciado pela leitura de Flex Mentallo, que apesar de eu ter dito aqui que tem subtexto erótico, nessa última leitura percebi que não é bem sub esse texto. Ele está lá pra quem quiser ver. Mas não vou me fixar no Flex, não. Mas nas reações dos fãs e, principalmente dos brasileiros e da mídia especializada quando se trata da homoerotização dos super-heróis. Todos nós sabemos que essa indústria de entretenimento é famosa por suas heroínas voluptuosas, de seios e coxas grandes, de decotes e collants apertados. Apesar das críticas “feministas”, muitos fãs adoram isso. Não há nada de errado em glorificar um corpo saudável. Ora, então, porque não adorar que super-heróis homens usem collants agarrados na pele …